Dia: 5 de abril de 2022

Câmara de Parnamirim realiza Audiência Pública em alusão à Campanha da Fraternidade 2022

Na manhã da próxima quinta-feira (7), a Câmara de Parnamirim vai realizar uma Audiência Pública de debates sobre a realidade educativa no Brasil, em alusão à Campanha da Fraternidade 2022. O evento, proposto pelo vereador Thiago Fernandes, vai ocorrer no Plenário Dr. Mário Medeiros, a partir das 10h.

A audiência foi idealizada com o intuito de promover debates que envolvam questões referentes à educação em âmbito nacional, a fim de gerar reflexões relativas à realidade desse setor numa perspectiva humanística e solidária.

Prefeitura de Parnamirim e Conselho Municipal realizam pré-conferência de saúde mental

Uma parceria entre a Prefeitura de Parnamirim, através da Secretaria de Saúde (SESAD), e o Conselho Municipal de Saúde, deu início às Pré-conferências Municipais de Saúde. A abertura ocorreu nesta terça-feira (5), no auditório da Uninassau, e o evento se repetirá na quarta-feira (6), na Escola Maria Francinete, em Nova Parnamirim, e na quinta (7) na Escola Erivan França, em Pirangi do Norte.

As Pré-Conferências são uma preparação para a Conferência Municipal de Saúde Mental de Parnamirim, que vai ocorrer na próxima semana, nos dias 12 e 13 de abril, no auditório do IFRN.

Durante a abertura estavam presentes o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Matheus Eutrópio; a representante do Ministério da Saúde em Parnamirim, Fabiana Figueiredo; a coordenadora de Saúde Mental da SESAD, Juliana Trindade; e a assistente social e a conselheira de Saúde, Ana Paula Agapito, entre outros representantes do poder público e da sociedade civil.

As pré-conferências tem como tema central “Fortalecer e garantir políticas públicas: o SUS, os cuidados de saúde mental em liberdade e o respeito aos direitos humanos” e vão tratar os seguintes eixos:

EIXO 1: “Cuidado em Liberdade como garantia de direito à Cidadania”
EIXO 2: “Gestão, financiamento, formação e participação social na garantia de serviços de saúde mental”
EIXO 3: “Política de saúde mental e os princípios do SUS: Universalidade, integralidade e equidade”
EIXO 4: “Impactos na saúde mental da população e os desafios parao cuidado psicossocial durante e pós pandemia”.

Os participantes das Pré-Conferências irão debater e levantar propostas na área da saúde mental, conforme as demandas existentes nos distritos sanitários, que servirão como base para construção coletiva de Diretrizes e Metas para a Política Municipal de Saúde Mental de Parnamirim, para o período 2022 à 2025, a serem executados pela gestão municipal.

A pedido de Ubaldo e Augusto, mais 3 poços são instalados em Tangará

As comunidades de Serrote Branco, Assentamento Três Voltas e Sítio Boa Vista, no município de Tangará, foram contemplados, nessa segunda-feira, dia 4 de abril, com a conclusão das instalações de poços tubulares pela Fundação Nacional de Saúde (Funasa). A articulação é do deputado estadual Ubaldo Fernandes, por solicitação do vice-prefeito Augusto Alves e lideranças locais.

“Nosso agradecimento todo especial é para a Funasa, através do seu superintendente, Pablo Tatim, que atendeu nosso pleito, exposto em várias audiências presenciais e ofícios, e autorizou a instalação de mais três poços tubulares na zona rural do nosso município no Trairi. Fico feliz demais em estar contribuindo efetivamente para essa necessidade fundamental dos norte-rio-grandenses que moram no interior e precisam de água para seu consumo, assim como de seus animais e plantações”, destaca o parlamentar.

Já o vice-prefeito Augusto destaca que essa é uma maneira concreta que contribui com o desenvolvimento do seu município. “Vários amigos da região já estão nos enviando fotos e vídeos agradecendo. E vamos continuar, com muita perseverança, essa atuação junto ao deputado Ubaldo e órgãos governamentais, sejam eles estaduais ou federais”, ressaltou.

Dentista Mirian Pessoa fala sobre procedimentos estéticos para um sorriso perfeito

A área da odontologia está em pleno crescimento, e nos últimos anos procedimentos estéticos ganharam o gosto popular e cada vez mais adeptos que sonham com o tão desejado sorriso perfeito.

Como um melhor custo-benefício, as facetas de resinas entraram na moda entre os itens mais procurados, são as queridinhas do mercado.

Procedimento que modifica o dente na cor e forma, as facetas de resinas têm ganhado destaque por ser um trabalho cujo resultado traz mais naturalidade e deixa o sorriso mais harmonioso.

A Dentista Mirian Pessoa, que tem atuação personalizada nesse procedimento, detalha mais sobre seu trabalho que vem ganhando destaque na capital Potiguar.

1- Qual a principal queixa dos pacientes quando chegam ao consultório para esse procedimento?

A insatisfação dos pacientes com o seu sorriso, insegurança ao sorrir devido a aparência dos dentes é sem dúvidas a principal queixa. Na maior parte dos casos, alcançamos os resultados esperados com o Clareamento Dental e Facetas de Resina que, respectivamente, trazem uma tonalidade bem mais clara (os dentes brancos) e um formato harmônico e iluminado ao sorriso.

2- Você considera que isso contribui para a melhoria da autoestima do paciente?

Com certeza. Os procedimentos estéticos resgatam autoestima e tem ação direta na realização de pacientes. A partir do resultado estético, as pessoas desenvolvem bem-estar, confiança e leveza ao sorrir.

3- Qual a maior dificuldade encontrada nesse ramo?

O maior desafio é lidar com o imediatismo dos(as) pacientes. É necessário integrar um planejamento estético respeitando a saúde bucal e os processos, tendo em vista que muitos casos precisam de procedimentos para preparar o sorriso para as intervenções estéticas.

Se você busca harmonizar e clarear seu sorriso de forma mais acessível, as Facetas em Resina e o Clareamento Dental são a solução. É importante frisar que sua durabilidade depende dos cuidados recomendados e visitas regulares ao dentista. Ter um sorriso bonito é certeza de uma autoestima elevada e felicidade de quem viveu uma transformação.

Luiz Eduardo aparece entre os mais citados para deputado estadual em pesquisa

O ex-prefeito de Maxaranguape, Luiz Eduardo (SDD), está entre os mais citados para deputado estadual no Rio Grande do Norte. Além disso, é o primeiro nome oriundo da região do Mato Grande potiguar. Os números foram revelados pela pesquisa TCM/TS2 divulgados nesta segunda-feira (04).

“O resultado mostra que estamos no rumo certo, mas que ainda temos um longo caminho a percorrer. Agradeço a população potiguar por este reconhecimento, que nos motiva ainda mais nesta pré-campanha para mostrarmos nosso trabalho e os projetos que pretendemos levar para Assembleia Legislativa”, disse Luiz Eduardo.

Segundo o levantamento, Luiz Eduardo que disputa pela primeira vez uma eleição estadual, já aparece com 0,4% das intenções de votos. O ex-gestor está atrás apenas de deputados com mandato e do ex-secretário municipal de Assistência Social de Natal, Adjuto Dias, filho do prefeito Álvaro Dias.

Luiz foi o 18º mais citado, mas dois deputados que não disputarão a reeleição aparecem a frente do ex-prefeito, casos de Kelps Lima (SDD) – pré-candidato a deputado federal -, e Souza Neto (PSB), que já anunciou que não disputará as eleições este ano.

Chapa Fátima Bezerra e Walter Alves não está fechada, afirma Raimundo Alves

Sandro Menezes/Assecom Governo do RN

Blog do FM – A chapa para a candidatura ao governo do Estado com Fátima Bezerra e o deputado federal Walter Alves como vice não está confirmada. De acordo com o Blog do FM, em contato com fontes próximas ao governo, e a informação repassada através da assessoria é que não tem nada fechado.

A resposta do chefe do Gabinete da Casa Civil, Raimundo Alves, que articula toda a conjuntura política, é que nada foi definido. “Não existe definição ainda. Continuamos conversando. Não há necessidade de definição rápida pois o calendário eleitoral não nos impõe essa pressa”, disse Raimundo.

A informação de que Walter Alves seria o vice de Fátima Bezerra foi pulverizada na tarde desta segunda-feira (04) e abalou os bastidores da política. Porém, não há nada confirmado, segundo o Chefe da Casa Civil.

Prefeitura de Riachuelo fará distribuição de peixe para famílias do cadastro único

A Prefeitura Municipal de Riachuelo, através de sua gestão Joca Basílio, fará durante a semana santa a distruição de peixe para famílias do castro único do município. Na Zona Urbana, os beneficiários do CadÚnico podem fazer o cadastro em dois locais: no Centro: CRAS (Rua Dinarte Mariz, 126); e no bairro Nossa Senhora da Conceição e na Praça da Terceira Idade (Próximo ao Conselho Tutelar).

Já os moradores da Zona Rural e do distrito de Cachoeira não precisarão fazer inscrição, pois a distribuição do peixe será realizada porta a porta. “Este ano, o prefeito Joca Basilio determinou a ampliação da distribuição para que mais famílias possam ter acesso ao alimento. Vamos proporcionar um feriado santo, digno e farto as famílias”, ressaltou o secretário da Assistência Social, Dr Damião Neto.

João Maia abre as inserções do PL na propaganda partidária deste mês de abril

O Partido Liberal – PL apresentará neste mês de abril a propaganda partidária gratuita em rádio e televisão em âmbito nacional. No Rio Grande do Norte, o presidente estadual do PL, deputado federal João Maia, abrirá as inserções.

No primeiro vídeo, João Maia fala sobre o crescimento do partido no RN, os novos filiados e reafirma o compromisso com a geração de emprego, a melhoria da infraestrutura, com desenvolvimento e a criação de oportunidades para promover a dignidade do povo potiguar.

Em suas mídias sociais, João Maia postou o vídeo e declarou: “Estamos felizes em receber novos filiados”. As inserções desta semana também terão a apresentação de Rogério Marinho.

Dupla desistência em 24 horas joga a Petrobras no olho de nova crise

Fachada da Petrobras/ Foto Reprodução

A crise dos preços dos combustíveis já é considerada um dos maiores desafios enfrentados pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). Com a desistência dos recém-indicados Adriano Pires e Rodolfo Landim para, respectivamente, a presidência da empresa e o comando do Conselho de Administração da estatal, o governo corre contra o tempo na busca por novos nomes, a pouco mais de uma semana da assembleia que votará a próxima gestão, marcada o dia 13.

Enquanto Landim anunciou já no domingo (3/4) que não assumiria o conselho, Pires aguardou o fechamento da Bolsa de Valores, na segunda-feira (4/4) — quando as ações da Petrobras caíram 0,94% —, para anunciar que não iria assumir a presidência da estatal, após Joaquim Silva e Luna ter sido demitido por Bolsonaro devido a divergências quanto à política de preços dos combustíveis.

Relatórios da Diretoria de Governança e Conformidade da Petrobras sobre o histórico do economista e do empresário apontaram problemas similares de conflitos de interesse, pois ambos possuem relações com empresas do mercado de energia.

Em função disso, o Ministério Público solicitou ao Tribunal de Contas da União (TCU) que Pires fosse impedido de assumir o cargo enquanto não houvesse uma investigação do governo (Controladoria-Geral da União e Comissão de Ética) e da Petrobras sobre a atuação dele no setor privado.

Em carta ao ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, Pires se disse “obrigado a declinar de tão honroso convite”. “Ficou claro para mim que não poderia conciliar meu trabalho de consultor com o exercício da Presidência da Petrobras”, argumentou no documento. Ele é sócio-fundador do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE) e tem contratos de longo prazo com petroleiras e empresas de gás. “Iniciei, imediatamente, os procedimentos para me desligar do CBIE, consultoria que fundei há mais de 20 anos e que hoje dirijo em sociedade com meu filho. Ao longo do processo, porém, percebi que, infelizmente, não tenho condições de fazê-lo em tão pouco tempo”, acrescentou.

*Com informações do Correio Braziliense

Lula afirma que demitirá cerca de 8 mil militares de cargos comissionados

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva Foto: Brenno Carvalho / Agência O Globo

Em encontro com sindicalistas da Central Única dos Trabalhadores (CUT) nesta segunda-feira (4), em São Paulo, o pré-candidato à presidência da república Luiz Inácio Lula da Silva, disse, que se eleito, pretende demitir aproximadamente 8 mil militares que ocupam cargos comissionados no governo de Jair Bolsonaro (PL).

“Vamos ter que começar o governo sabendo que vamos ter que tirar quase 8 mil militares que estão em cargos de pessoas que não prestaram concurso. Vamos ter que tirar. Isso não pode ser motivo de bravata, tem que ser motivo de construção. Porque, se a gente fizer bravata, pode não fazer”, afirmou o ex-presidente.

Essa não é a primeira crítica que o ex-presidente faz à presença de membros das Forças Armadas no atual governo. Em discurso feito no Rio de Janeiro, na semana passada, o petista disse que “o Exército não serve para a política” e que deveria apenas “proteger a fronteira e o país de ameaças externas”.