Dia: 6 de junho de 2022

Legislativo leva informações da nova Lei das micro e pequenas empresas para Macaíba

Divulgar os benefícios da nova Lei Geral da Micro e Pequena Empresa do RN. Esse foi o objetivo da audiência pública realizada pela Assembleia Legislativa do RN, através do deputado Kleber Rodrigues (PSDB), na tarde desta segunda-feira (6), em Macaíba. O evento contou com a participação do prefeito da cidade, Emídio Júnior, além de um representante do Sebrae-RN e de vereadores, empresários e comerciantes.

“Primeiro, eu quero falar sobre a assinatura do Termo de Cooperação que aconteceu entre a Assembleia Legislativa e o Sebrae, aproximadamente 15 dias atrás. Através desse ato, todas as 167 cidades do Estado vão passar a ter uma “Sala do Empreendedor”, iniciou Kleber Rodrigues.

Segundo o parlamentar, com a assinatura do termo pelo município de Macaíba, os macaibenses interessados poderão ter acesso às políticas de crédito para abrir seus próprios negócios.

“Serão 167 salas no RN, uma para cada município. Os recintos contarão com parceiros para atender as demandas básicas dos empreendedores, prestando informações rápidas e realizando tarefas sem burocracia. Essas salas darão auxílio técnico para fomentar o desenvolvimento do Estado, apoiando pequenos negócios e melhorando a Economia dos municípios”, acrescentou o parlamentar.

Segundo o representante do Sebrae-RN, Tales Fernandes, o Brasil tem a Economia baseada nas pequenas empresas, que são as que geram emprego, renda e movimentam as economias locais.

“E a Sala do Empreendedor será um lugar para atender essas empresas, proporcionando um grande suporte aos empresários. Então, quem é empreendedor e precisa de atendimento e orientação, poderá procurar esse local na sua cidade”, explicou.

Tales Fernandes disse ainda que a proposta é levar informação e capacitação para o pequeno empresário.

“Todos os assuntos relacionados ao seu negócio o empresário vai encontrar nessas salas: gestão financeira, de marketing, créditos, enfim, qualquer tópico. Portanto, essa é uma forma de levar desenvolvimento para o Estado como um todo”, concluiu.

Na sequência, o deputado fez uma explanação sobre a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa do RN, abordando seus impactos no Estado como um todo.

“Essa lei já vinha sendo discutida há dois anos no Legislativo. Eu sou presidente da Frente Parlamentar das Micro e Pequenas Empresas e fiquei responsável por debater com todos os segmentos, ao longo desse tempo. Então, eu sei que a lei foi tema de inúmeras audiências e reuniões conjuntas de comissões. E eu tenho certeza de que saímos com uma lei robusta e completa, que abarca todos os segmentos do Estado”, destacou Kleber Rodrigues.

De acordo com dados divulgados pelo parlamentar, 30% do PIB brasileiro são gerados por micro e pequenas empresas.

“Além disso, 99% dos empreendimentos brasileiros são caracterizados como micro e pequenas empresas, e essas duas categorias são responsáveis por 55% dos empregos gerados no Brasil. Fora isso, sabe-se que mais de 3,9 milhões de pequenos negócios foram abertos, no ano passado, no País. E, no RN, o número de pequenas e micro empresas cresceu 17,3% em 2021, totalizando agora 212 mil pequenos negócios no Estado”, revelou Kleber.

Dentre as principais vantagens da lei, o deputado destacou a facilitação ao crédito e a desburocratização de procedimentos; o licenciamento simplificado; a fiscalização orientadora; e o tratamento favorecido em licitações públicas.

Com relação aos benefícios da nova legislação para a Economia do RN, o parlamentar enfatizou que estudos preveem, para 2023, um aumento na arrecadação dos municípios, bem como a geração de mais de 220 mil empregos no Estado, além do aumento da renda, a facilidade de acesso a créditos e o incentivo ao associativismo.

Ao final da sua fala, Kleber Rodrigues frisou os apoios da governadora Fátima Bezerra (PT) e do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), para a implementação da lei.

Em seguida, o prefeito de Macaíba, Emídio Júnior, falou da importância da efetivação da legislação no município.

“Hoje é uma tarde histórica para Macaíba, e eu digo isso porque a cidade tem como fundador um comerciante, Fabrício Gomes Pedroza. Todos sabem que o nosso município tem um grande potencial econômico, e o nosso intuito é aumentá-lo ainda mais, modernizando nossas leis e ampliando os benefícios aos pequenos empreendedores. Porque nós temos feito de tudo para aumentar a geração de emprego e renda na cidade”, disse.

Dois pilares chamaram a atenção do presidente da Câmara Municipal de Macaíba, vereador Denilson Gadelha: o incentivo ao crédito e a possibilidade de contratar com a prefeitura.

“Então, eu fico imaginando o quanto essa lei vai facilitar para todos. Agora os informais vão poder ter acesso às informações e se tornar pequenos e micro empresários. E isso vai contribuir muito com a Economia da nossa cidade”, complementou.

Para o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Macaíba, Isaías Revoredo, “a importância da legislação é tamanha para o desenvolvimento do município e do Estado, porque sem empreendedorismo não há crescimento”.

“Todos aqui sabem o quanto a legislação brasileira tem burocracias. Então, essas facilidades vão proporcionar um crescimento da Economia como um todo. Com a Sala do Empreendedor, Macaíba dará um grande impulso àqueles que desejam iniciar a vida empresarial. E a CDL estará sempre aqui para apoiar quem precisar de nós”, garantiu.

Por fim, o coordenador das compras governamentais do Estado, Vinícius Cipriano, esmiuçou o tratamento favorecido da lei às micro e pequenas empresas do RN.

“ME, EPP, MEI, produtor rural, empreendimentos de economia popular, pessoas físicas… todas elas são impactadas com os benefícios dessa lei. E isso tudo está previsto na própria Constituição Federal. Dentre as formas de tratamento favorecido, estão a possibilidade de apresentação de documentações com restrição; a licitação exclusiva, para valores de até R$ 200 mil; e o critério de desempate diferenciado”, explicou o coordenador.

Ainda segundo o representante do governo, o Estado aportou mais de 70 milhões de reais, nos anos de 2020 e 2021, para micro e pequenas empresas, através de licitações.

Mais de 60 municípios do RN não tem sequer uma casa com tarifa social da CAERN

Em todo o estado apenas 4000 mil clientes da Companhia se enquadram na tarifa de R$ 10 reais na conta de água

O Instituto Mais Cidades teve acesso a uma lista que mostra que 61 municípios do Rio Grande do Norte não tem sequer uma residência que se enquadra na chamada tarifa social da CAERN, que que possibilita que o cliente de baixa renda pague menos R$ 10 reais na conta de água. O número é incompatível com a quantidade de pessoas que realmente precisam ter acesso ao benefício no estado, onde cerca de 445 mil pessoas recebem o Auxílio Brasil, programa social do Governo Federal voltado para famílias mais simples. No RN inteiro, apenas 4 mil residências pagam o menor valor pela água.

Algumas cidades com grandes quantidades de clientes, como Extremoz e Acari, somam 0 clientes na tarifa social. “Não é possível que não tenha nenhuma família nesses municípios que não precisem pagar um valor mais barato na conta de água. O problema é que os critérios adotados pela CAERN para a concessão da tarifa social são impossíveis de serem seguidos pelas pessoas que mais precisam”, comentou o presidente do Instituto Mais Cidades, advogado Alexandre Teixeira.

Por meio do Instituto, Alexandre tem brigado na justiça por uma mudança nos critérios da tarifa social, como forma de garantir que essa tarifa, e consequentemente o acesso à água potável, chegue à mais gente. “Eu criei o Projeto Tarifa Justa para tentar mudar os critérios adotados pela CAERN. Nós acreditamos que receber um programa social do governo, como o Auxílio Brasil, deve ser o único fator necessário para a tarifa social”, disse o advogado.

Atualmente, a família inteira de uma residência só pode consumir até 10m³ de água se quiser pagar a tarifa social. A ONU estipula que 3,3m³ por mês são suficientes para uma pessoa. “Mas como ficam as famílias com mais de 3 membros? E as famílias com renda per capta inferior? Uma família de três pessoas que possui renda total de um salário-mínimo não tem a mesma capacidade financeira de outra família com sete ou mais membros e renda total de dois salários mínimos, por exemplo. Seria essa família de sete membros capaz de viver com 10m3 de água?”, questiona Alexandre Teixeira. Quando a família consome mais que os 10m³ permitidos pela tarifa social, a conta sobe para R$ 46 reais podendo chegar até R$100 reais. Essa é um dos critérios da CAERN que o projeto Tarifa Justa quer mudar.

Critérios da tarifa social da CAERN

• Consumo máximo de até 10m³ de água
• Ser cadastrado e ativo em um dos Programas Sociais do Governo
• O consumo de energia elétrica não pode ser superior a 110 KWh
• O imóvel deve possuir área construída de, no máximo, 40m²

Proposta do projeto Tarifa Justa

• 3,3 m³ de água por pessoa residente na unidade cadastrada
• Família cadastrada em pelo menos um programa social do governo
• Ultrapassado-se o limite de consumo per capta de água da unidade consumidora residencial familiar, poderia ser cobrada a sobretarifa.

Clique aqui para visualizar a tabela com a distribuição da tarifa social da Caern nos municipios do RN ou copie e cole o link abaixo no seu navegador https://drive.google.com/file/d/1KrXU0WTpTda5ycv_Fh03a8xKXu8WRLQF/view?usp=sharing

RN: Primeiro final de semana de junho com chuvas

O primeiro final de semana de junho de 2022 foi de chuvas no Rio Grande do Norte. Acumulados de sexta até a manhã desta segunda-feira (06) ultrapassaram 100 milímetros na Região Central Potiguar foram registrados no Sistema de Monitoramento da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn). Maiores volumes por região, no período, foram em São Vicente 112,2 mm (Central Potiguar), José da Penha (Oeste Potiguar) 80,8 mm, Brejinho 52,6 mm (Agreste Potiguar) e Natal 35,1 mm (Leste Potiguar).

“Climatologicamente, o período chuvoso inicia nas regiões Leste e Agreste, sendo provocado por vários fatores meteorológicos como a atuação dos ventos de leste, aquecimento da temperatura dos oceanos trazendo muita umidade. Estas são condições favoráveis para ocorrência de chuvas que inclusive, no caso deste final de semana, adentraram pelo interior do estado“, explica o chefe da unidade de Meteorologia da Emparn, Gilmar Bristot.

A previsão das temperaturas para essa semana é de valores entre 20°C e 30°C, nas madrugadas e tardes, na região Litoral. No interior as mínimas podem variar entre 18°C a 22°C, e as máximas poderão chegar aos 33°C.

As análises apontam que para o mês de junho, a previsão é cenário favorável para a ocorrência de chuvas nas regiões Leste e Agreste Potiguar com volumes que poderão chegar a 211,8mm e 93,8mm, respectivamente.

Previsão dia a dia

06/06/22 – segunda-feira – Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões.

07/06/22 – terça-feira – Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões.

08/06/22 – quarta-feira – Céu parcialmente nublado com chuvas em todas as regiões.

09/06/22 – quinta-feira – Céu parcialmente nublado com chuvas em todas as regiões.

10/06/22 – sexta-feira – Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões, com pancadas de chuvas no Litoral e Oeste.

11/06/22 – sábado – Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões. 12/06/22 – domingo – Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões.

Desembargador Gilson Barbosa participa de reunião com presidente do TSE sobre os preparativos das Eleições 2022

Fotos: Abdias Pinheiro/SECOM/TSE

Reunião em Brasília contou com a participação de representantes de todas as Cortes Regionais

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), desembargador Gilson Barbosa, participa, nesta segunda-feira (06), de reunião em Brasília com o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Edson Fachin, e representantes dos demais Regionais Eleitorais do país para reforçar o compromisso da Justiça Eleitoral na realização das Eleições 2022 em paz e com segurança.

A importância do combate às notícias falsas disseminadas com o intuito de atacar a credibilidade das eleições brasileiras também foi tema do encontro. Logo na abertura, Fachin agradeceu o trabalho de todos e destacou a importância do diálogo: “Esse intercâmbio de informações e a atuação coordenada de todos os tribunais eleitorais do país são fundamentais para a condução eficaz do processo eleitoral e, igualmente, para a defesa das nossas instituições democráticas, nesse período turbulento de nossa história” disse.

Segundo ele, para um país com dimensões continentais, em que cada região guarda suas especificidades, a organização das eleições é um desafio em si mesmo. “Mas, estamos seguros de que a Justiça Eleitoral brasileira está preparada para garantir a paz e para assegurar o resultado vindo das urnas, respeitando-se a soberania popular”, disse.

O ministro enfatizou que a Justiça Eleitoral, guardiã da democracia, proporcionará às cidadãs e aos cidadãos brasileiros eleições íntegras e justas, com paz e segurança. “Este é o lema de nossa gestão, que vem pregando a tolerância, o respeito à diferença. Estamos combatendo o bom combate e preservando a fé. Almejamos que a única arma a servir de instrumento para o bem do Brasil seja, portanto, o voto e o respeito pacífico à voz das urnas”, destacou.

Na reunião, o desembargador Gilson Barbosa reafirmou o compromisso do TRE-RN com o planejamento e êxito das eleições 2022, sob o manto da constituição federal e de toda a legislação eleitoral, na busca de efetivar eleições pautadas nos valores da ética, da legalidade, inovação, integridade, celeridade, segurança jurídica e transparência.

“O combate à desinformação é um dos compromissos do TRE-RN, com o fim de enfatizar a missão da Justiça Eleitoral em assegurar a democracia brasileira. Estamos tomando medidas práticas e enfáticas nesse sentido. Firmamos a composição de um comitê local de combate à desinformação, com atuação de servidores de diversos setores. Conseguimos concretizar uma união com o TJRN, no sentido de combater a propagação de notícias falsas, especialmente durante o período eleitoral. A parceria foi firmada entre os departamentos de Comunicação dos dois Tribunais. A ideia é que o TJRN, através de suas redes sociais, divulgue informações corretas e serviços sobre as eleições de 2022. O TRE-RN está a todo instante aberto ao diálogo e à cooperação com todos os regionais e com o TSE de forma a tornar maior, mais sólida e respeitada a Justiça Eleitoral”, disse o presidente do TRE-RN.

Forças Armadas

O diretor-geral do TSE, Rui Moreira, informou que têm sido muito proveitosos os contatos mantidos pelo TSE com o Ministério da Defesa e as Forças Armadas para auxílio logístico e de segurança nas eleições. Segundo ele, as Forças Armadas sempre se mostram muito solícitas em prestar, como têm prestado em cada pleito, os serviços para que as eleições de outubro ocorram em paz.

Rui Moreira pediu às Presidências dos TRE’s que avaliem onde será necessário reforço na segurança nos estados durante as eleições para que as requisições de Força Federal ao Governo Federal possam ser feitas pela Justiça Eleitoral com antecedência.

O uso de Força Federal para garantir a liberdade do voto, bem como a normalidade da votação e da apuração dos resultados no dia das eleições é assegurado pelo inciso XIV do artigo 23 do Código Eleitoral (Lei nº 4.737/1965). De acordo com o dispositivo, “compete, privativamente, ao Tribunal Superior requisitar a Força Federal necessária ao cumprimento da lei, de suas próprias decisões, ou das decisões dos Tribunais Regionais que o solicitarem, e para garantir a votação e a apuração”.

Centro Integrado

Em seguida, o secretário de Polícia Judicial do TSE, Disney Rosseti, abordou diversos aspectos da segurança institucional durante as eleições. Ele informou que o Centro Integrado de Comando e Controle das Eleições é ativado faltando 20 dias para o pleito, com atividades de inteligência e operacionais.

Rossetti lembrou que o Ministério da Justiça já faz um trabalho coordenado com os estados para a segurança das eleições. “Isso traz vantagens para quem atua na segurança pública e também para a Justiça Eleitoral”, disse.

Natal faz chamamento para transportes opcionais operarem 34 linhas de ônibus abandonadas

Prefeitura do Natal quer que opcionais operem linhas abandonadas pelo Seturn/Foto: Magnus Nascimento

A Prefeitura do Natal está com um chamamento em curso para que permissionários do Serviço Opcional de Transporte Público de Passageiros operem 34 linhas de ônibus que estão paralisadas na cidade. A portaria, que foi publicada em edição especial do Diário Oficial do Município no domingo (5), pretende que 144 veículos sejam utilizados na operacionalização dos transportes. A medida é fruto de decisão judicial da 6ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Natal.

Na portaria, a Prefeitura instituiu a Comissão de Organização do Chamamento Público, com a atribuição de organizar o recebimento e análise das propostas técnicas e documentação de habilitação protocoladas pelos permissionários que manifestarem interesse em operar as linhas devolvidas pelas empresas de ônibus. As propostas poderão ser encaminhadas entre os dias 6 e 17 de junho, na sede da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana de Natal (STTU), junto à documentação exigida (veja aqui). Cada permissionário poderá poderá apresentar proposta com até 2 veículos.

A remuneração do serviço será exclusivamente mediante o recebimento de tarifa paga pelos usuários da linha a ser explorada em “caráter temporário e a título precário”. O valor da tarifa é o definido pelo Município em 2019, de R$ 3,90 para pagamento em cartão e R$ 4,00 para pagamento em espécie, podendo ser atualizado por ato normativo.

A expectativa é que até agosto os veículos possam estar em circulação para operacionalizar as linhas.

Veja quais são as linhas oferecidas e quantos veículos serão necessários em cada uma delas:

Linha 01 – 6 veículos
Linha 07-A – 5 veículos
Linha 12/14 – 4 veículos
Linha 13 – 4 veículos
Linha 17/78 – 9 veículos
Linha 18 – 1 veículo
Linha 19 – 5 veículos
Linha 20 – 6 veículos
Linha 23/69 – veículos2
Linha 27-A – 4 veículos
Linha 30-A – 2 veículos
Linha 31 – 11 veículos
Linha 31-A – 1 veículo
Linha 34 – 5 veículos
Linha 36 – 6 veículos
Linha 41 – 7 veículos
Linha 41-B – 3 veículos
Linha 44 – 10 veículos
Linha 48 – 6 veículos
Linha 57 – 2 veículos
Linha 61/62 – 4 veículos
Linha 63-A – 3 veículos
Linha 65 – 5 veículos
Linha 66 – 5 veículos
Linha 68 – 7 veículos
Linha 76 – 2 veículos
Linha 81 – 4 veículos
Linha 85 – 6 veículos
Linha 585 – 2 veículos
Linha 591 – 3 veículos
Linha 592 – 1 veículo
Corujão A – 1 – veículo
Corujão B – 1 – veículo
Corujão C – 1 – veículo

*Com informações da Tribuna do Norte

Prefeitura de São Gonçalo do Amarante lança festival de quadrilhas nesta terça-feira

Evento contará com a presença do prefeito Eraldo Paiva. Foto: Divulgação

Na próxima terça-feira (7), às 14h, a Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, por meio da Fundação Cultural Dona Militana, vai realizar o lançamento do tradicional festival de quadrilhas juninas da cidade, que a partir deste ano terá novo nome: Arraiá SãoGonçalão.

Na ocasião será feito o sorteio das apresentações das quadrilhas, pela Liga Independente de Quadrilhas Juninas do Rio Grande do Norte (Liquajutern). O evento contará com a presença do prefeito Eraldo Paiva, e do presidente da FCDM, Josenildo Campos.

Evento 2022

O Arraiá SãoGonçalão será realizado de 22 a 25 de junho, no ginásio de esportes de Santo Antônio do Potengi, com R$ 57 mil em premiações, e onde sairá a representante do RN para disputar a etapa do Nordeste, na categoria ‘estilizada’.

Brasileiro: Verdão e Galo empatam e Corinthians assume liderança

Após 0 a 0, ambos os time totalizam 16 pontos e ocupam 2ª posição/ Foto: Cesar Greco

Diante de um público de mais de 40 mil pessoas no Allianz Parque, Palmeiras e Atlético-MG não justificaram as expectativas e empataram por 0 a 0, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, ambas equipes vão a 16 pontos na tabela, vendo o Corinthians, que havia iniciado a rodada empatado com as duas, assumir a liderança isolada da competição, com 18 pontos. No último jogo deste sábado (4), o Timão venceu fora de casa o Atlético-GO por 1 a 0.

O jogo teve um clima tenso, presente desde o início, quando, antes dos 10 minutos, Nacho Fernandez, do Galo e Gabriel Menino, do Palmeiras, se estranharam. Os dois voltariam a ter problemas ainda no primeiro tempo, com cada um recebendo um cartão amarelo.

O começo do jogo também reservou uma má notícia para o Verdão. Raphael Veiga, um dos principais destaques do time, sentiu a parte posterior da coxa direita em uma arrancada e acabou substituído por Rafael Navarro aos 13 minutos.

Aos 17, após cobrança de falta pela esquerda, Eduardo Sasha emendou de bicicleta e quase marcou um golaço para o Atlético. A bola passou raspando a trave esquerda do goleiro Marcelo Lomba.

A melhor chance do Palmeiras foi nos acréscimos, quando Rafael Navarro recebeu belo lançamento de Dudu e saiu na cara de Everson. No entanto, ele chutou à direita do gol, perdendo ótima oportunidade.

No segundo tempo, nenhum dos goleiros trabalhou muito. Rony teve chance mas finalizou para fora. Gustavo Scarpa cobrou falta de longe e Everson defendeu em dois tempos.

Jogadores do Palmeiras pediram cartão vermelho para o volante Otávio após pisão em Scarpa, mas ele recebeu apenas o amarelo. Aos 35, Ademir teve a última boa chance da partida, mas finalizou para fora.

O empate sem gols representou a 15ª partida consecutiva do Palmeiras sem derrota (no Brasileiro, perdeu apenas o jogo de estreia, contra o Ceará). A equipe busca ampliar a marca na quinta (9), diante do Botafogo, novamente no Allianz Parque. Na véspera, que fica atrás do Palmeiras na terceira colocação pelos critérios de desempate encara o Fluminense no Maracanã.

Mercado financeiro prevê inflação em 9% neste ano

A previsão está no Boletim Focus do Banco Central, divulgado hoje/ Foto: Marcelo Casal Jr

O mercado financeiro prevê inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em torno de 9%, neste ano. A estimativa está no Boletim Focus, divulgado hoje (6) pelo Banco Central (BC).

A mediana (desconsidera os extremos das projeções) da previsão dos últimos 30 dias prevê inflação em 8,89%. Se for considerado um período mais recente, de cinco dias, a mediana fica em 9%.

Para 2023, a projeção é de que a inflação fique em 4,39% (mediana de 30 dias). Na projeção que considera cinco dias, o índice é 4,5%.

As projeções para este ano estão acima da meta de inflação que é de 3,50%, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual, ou seja, o limite inferior é 2% e o superior, 5%. Para 2023, o centro da meta é 3,25%, com intervalo de 1,75% a 4,75%.

O Boletim Focus reúne a projeção de cerca de 100 instituições do mercado para os principais indicadores econômicos do país.

Esta é a primeira divulgação do boletim, após cinco semanas de suspensão, em razão da greve dos servidores do BC, que seguem em paralisação. A edição de hoje do boletim tem informações parciais das projeções do mercado financeiro feitas até a última sexta-feira (3).

Ufersa lança edital de concurso com 6 vagas para professor efetivo

Ufersa/ Foto: Arquivo

A Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) lançou um edital de concurso para seleção de seis professores efetivos do Magistério Superior.

São cinco oportunidades para o Campus Angicos e uma vaga para o Campus Sede, em Mossoró, conforme os perfis dos candidatos e os regimes de trabalho estabelecidos.

A inscrições para o concurso começam no dia 15 de junho e vão até 11 de julho. A inscrição deve ser feita na página da Comissão Permanente de processo Seletivo (CPPS) no Portal Ufersa, na qual também está disponível a íntegra do edital e toda a documentação necessária.

O pagamento da taxa de inscrição pode ser feito até o dia 12 de julho.

“Pingo da Mei Dia” reúne mais de 200 mil pessoas em Mossoró

Além do público, o “Pingo Mei Dia” mobilizou muitos comerciantes que perceberam no evento uma forma de garantir renda. Foto: Wilson Moreno

A alegria contagiante do “Pingo da Mei Dia” levou no sábado (4) uma multidão ao Corredor Cultural para prestigiar o evento. Com um público superior a 200 mil pessoas, segundo a organização da festa, o “Pingo da Mei Dia” trouxe muita música, com uma programação especial preparada para os mossoroenses e turistas.

A abertura do evento aconteceu ao meio-dia, com pronunciamento do prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra. Em entrevista, o chefe do Executivo Municipal destacou a dimensão do “Pingo da Mei Dia”. “O Mossoró Cidade Junina é o maior evento do Rio Grande do Norte e nos preparamos muito para esse momento. Todas as equipes envolvidas buscaram fazer o melhor”, declarou.

O evento contou com diversas apresentações musicais, com destaque para o baiano Bell Marques, que conduziu a festa garantindo muita animação.

Além do público, o “Pingo Mei Dia” mobilizou muitos comerciantes que perceberam no evento uma forma de garantir renda. O “Pingo” também foi prestigiado por turistas de outras cidades que escolheram vivenciar a alegria da festa.

Além de se dedicar à programação, a Prefeitura de Mossoró também se empenhou para garantir segurança durante o “Pingo da Mei Dia”. O Município realizou planejamento de forma integrada para que todos pudessem se divertir e brincar com tranquilidade. Foram mobilizados 750 agentes de segurança. Havia 40 câmeras de segurança monitorando todo o trajeto, com reconhecimento facial em todos os acessos.