Professor suspende aula na UFRN após aluno se recusar a usar máscara

Reitoria Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) — Foto: Cícero Oliveira

Um professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) suspendeu a aula, na noite de quinta-feira (7), após um aluno se negar a usar máscara contra a covid-19. Segundo a instituição, o uso da proteção ainda é obrigatório para alunos, servidores e professores.

O caso aconteceu no Departamento de Comunicação e foi notificado à coordenação do curso de Jornalismo e à chefia do departamento, segundo o professor Daniel Dantas Lemos, que estava ministrando a aula de Comunicação Integrada.

De acordo com ele, o estudante se negou usar a máscara alegando que o governo do estado havia publicado decreto desobrigando o uso da proteção em locais abertos e fechados. Apesar disso, o professor e colegas disseram ao homem que a exigência continuava valendo dentro da universidade.

“Não foi eu quem fez a norma. Todos nós entramos no semestre sabendo disso, inclusive a universidade deixando claro que quem descumprir pode responder a um processo administrativo. Se eu, como professor na sala de aula, não fiscalizo, sou eu quem responde”, afirmou o docente.

Segundo o professor Daniel Dantas, a aula já havia começado, quando o aluno chegou cerca de 15 minutos atrasado. O professor esperou o aluno se sentar e pediu para ele colocar a máscara, mas o estudante se negou.

“Discutimos civilizadamente. Eu expliquei a norma, disse que não daria aula a ele sem máscara e pedi para sair da sala, mas ele disse que não iria sair. Então eu decidi fazer a chamada e encerrar a aula”, afirmou o professor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.