TSE mostrará que vulnerabilidades achadas nas urnas foram resolvidas

Foto: José Cruz/Agência Brasil

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) resolveu todas as vulnerabilidades encontradas nas urnas durante o Teste Público de Segurança do Sistema Eletrônico de Votação (TPS), realizado em novembro de 2021.

A Corte Eleitoral pretende mostrar aos especialistas, nos dias 11, 12 e 13 de maio, todos os aperfeiçoamentos. A ideia é que também sejam feitos os últimos testes antes da eleição de outubro.

O TPS é realizado desde 2009, com o objetivo de indicar formas de correção e aperfeiçoamento das urnas. Cerca de 140 especialistas já participaram do TPS. Todos sem qualquer ligação com a Justiça Eleitoral, apenas atuando de forma colaborativa.

Entre as melhorias implementadas após todos esses anos de análises, estão a criptografia das teclas do terminal de votação e o sistema de áudio para pessoas com deficiência visual.

O Teste de Confirmação, que ocorrerá de 11 a 13 de maio, contará com os investigadores que participaram do TPS realizado de 22 a 27 de novembro de 2021. Na ocasião, eles voltam ao TSE para conferir se as soluções aplicadas pela equipe técnica foram suficientes para aperfeiçoar os pontos encontrados anteriormente.

*Com informações Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.