Mossoró tem o primeiro suspeito de varíola dos macacos no município

Ilustrativa/Reprodução

Na manhã da última terça-feira (2) um laboratório particular de Mossoró coletou o exame para monkeypox de um homem.

O caso ainda não está oficialmente no sistema da Secretaria de Estado da Saúde Publica (Sesap). O homem que tem histórico de viagem é o primeiro caso suspeito da doença no município. Se caso confirmar, será o terceiro caso de contaminação pelo vírus monkeypox, conhecido por varíola dos macacos, no Rio Grande do Norte.

O Hospital Rafael Fernandes é o local de referência para internação de monkeypox para os casos de Mossoró e região. De acordo com Dr. Leonardo Meneses, diretor do hospital, a unidade hospitalar já tem leitos prontos para receber os casos que precisarem de internação.

Segundo informações colhidas, o Estado vai treinar uma equipe em Mossoró para realizar os exames até a próxima terça-feira (9). O Laboratório Central já está com material disponível e as coletas serão realizadas na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Belo Horizonte.

Blog do BG

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.