Dia: 24 de agosto de 2018

Central de Corte do Pró-Sertão: Comitiva vai a maior feira para indústria têxtil das Américas

Uma comitiva liderada pelo Sebrae-RN e pela Prefeitura de Parelhas participou esta semana da Febratex – Feira Brasileira para a Indústria Têxtil, considerada a maior do setor nas Américas. No evento, encerrado nesta sexta-feira (24) em Blumenau (SC), o grupo se reuniu com vários potenciais fornecedores da futura Central de Corte Industrial, que será construída no município do Seridó potiguar. Com a obra deverão ser atraídos ainda mais investidores para o Pró-Sertão, o Programa de Industrialização do Interior, criado pelo deputado federal Rogério Marinho (PSDB).

“O Rio Grande do Norte, que sempre teve uma vocação nesta importante área econômica, poderá se transformar em uma referência para o país em breve. São pequenos municípios que estão se transformando por meio da geração de emprego e renda. E a expectativa é que o Pró-Sertão cresça muito mais nos próximos anos”, disse Rogério Marinho.

O deputado criou o Pró-Sertão em 2013, quando esteve na Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado. Na época, articulou a união de instituições como Sebrae e Senai, para capacitar e qualificar mão de obra, e de gigantes do setor têxtil no país, como Guararapes e Hering. Atualmente, são 61 oficinas de costura integrantes do projeto espalhadas pelo RN, gerando quase 5 mil empregos diretos.

“Parelhas terá a Central de Corte do Seridó, o recurso para a construção do espaço e a compra de máquinas já está empenhado junto ao Ministério do Desenvolvimento da Indústria e Comércio”, disse o prefeito de Parelhas, Alexandre Petronilo, por meio das suas redes sociais. O próprio gestor divulgou a agenda durante a Febratex, que ainda contou com visitas técnicas com membros do Sebrae e da Associação Seridoense de Confecções (Asconf) às empresas do seguimento têxtil de Santa Catarina.

Alexandre Petronilo fez questão de acrescentar que os recursos de R$ 3 milhões para a construção da Central de Corte foram frutos de emendas destinadas por Rogério Marinho. Desse total, cerca de R$ 1,3 milhão será para o galpão industrial, enquanto R$ 1,7 milhão para a aquisição de equipamentos.

A Febratex apresenta, a cada dois anos, as principais inovações tecnológicas e lançamentos para o setor têxtil e de confecção. Durante os quatro dias do evento, encerrado nesta sexta-feira (24), visitantes e compradores vindos dos principais polos de confecção do Brasil e da América Latina tiveram acesso às novidades de mais de 2,4 mil marcas nacionais e internacionais. Em 2018 a Feira completou 16 anos.

Carlos Eduardo: “Depois de colocar Natal nos eixos, vamos recuperar o RN”

Em reunião no bairro Dix-Sept Rosado, o candidato a governador pela coligação 100% RN (PDT/PP/MDB/Podemos/DEM), Carlos Eduardo agradeceu na noite desta quinta-feira (23/08), o reconhecimento popular e ressaltou sua experiência como Prefeito de Natal por quatro vezes, sobretudo quando chegou em 2013 que recuperou Natal do caos administrativo. “Eu tenho a experiência administrativa de ter administrado o segundo maior orçamento do RN, nós não precisamos provar que sabemos fazer, pois as nossas obras estão espalhadas em nossa cidade. Depois de colocar Natal nos eixos, vamos recuperar o Estado”.

A reunião contou com a presença dos candidatos ao Senado Garibaldi Filho (MDB) e Antônio Jácome (PODEMOS), candidato a deputado federal Rafael Motta (PSB) e do candidato a deputado estadual Hermano Morais (MDB). Carlos Eduardo também prestigiou a reunião da vereadora Ana Paula no Bairro Nordeste.

Carlos Eduardo: “Depois de colocar Natal nos eixos, vamos recuperar o RN”

Em reunião no bairro Dix-Sept Rosado, o candidato a governador pela coligação 100% RN (PDT/PP/MDB/Podemos/DEM), Carlos Eduardo agradeceu na noite desta quinta-feira (23/08), o reconhecimento popular e ressaltou sua experiência como Prefeito de Natal por quatro vezes, sobretudo quando chegou em 2013 que recuperou Natal do caos administrativo. “Eu tenho a experiência administrativa de ter administrado o segundo maior orçamento do RN, nós não precisamos provar que sabemos fazer, pois as nossas obras estão espalhadas em nossa cidade. Depois de colocar Natal nos eixos, vamos recuperar o Estado”.

A reunião contou com a presença dos candidatos ao Senado Garibaldi Filho (MDB) e Antônio Jácome (PODEMOS), candidato a deputado federal Rafael Motta (PSB) e do candidato a deputado estadual Hermano Morais (MDB). Carlos Eduardo também prestigiou a reunião da vereadora Ana Paula no Bairro Nordeste.

‘Eu não vou para o embate, eu vou para o debate’, diz Marina Silva

Marina da Silva vai discutir o que for melhor para o país. (Ernesto Rodrigues/Agência Estado)

Agência Estado

Em um evento de campanha com alunos de uma escola pública em Brasília, a candidata da Rede ao Palácio do Planalto, Marina Silva, ironizou a decisão, e depois o recuo, de seu adversário, Jair Bolsonaro, presidenciável pelo PSL, de não ir mais a debates na televisão durante a campanha eleitoral.

“Ele já tinha dito isso em outras oportunidades e não cumpriu o que disse. Eu estarei no debate porque ele é momento de se discutir ideias com a sociedade”, disse.

No último debate, realizado pela RedeTV! na semana passada, Marina confrontou Bolsonaro após ele ter dito que não era preciso se preocupar com diferenças salariais entre homens e mulheres. Marina defendeu que a questão é pertinente e disse que as desigualdades entre gêneros ainda persistem no mercado de trabalho.

Questionada sobre se temia virar alvo preferencial de Bolsonaro nos próximos debates, Marina disse que já foi “alvo em 2014”, quando também foi candidata à Presidência.

“Eu não vou para o embate, eu vou para o debate. (…) Já passei por ataques em 2014 e vou continuar debatendo o que é bom para o Brasil. Não vou discutir apenas propostas mas propósitos. Quero ganhar por ganhar, não vou agredir ninguém”, disse.

Policiais e bombeiros afirmam que irão manter paralisação no 7 de setembro

A Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN) afirmou, em nota, que irá manter o ato de paralisação programado para o 7 de setembro, data em que se celebra o Dia da Independência.

Nesta quinta-feira, 23, a desembargadora Zeneide Bezerra deferiu parcialmente a medida de urgência requerida pelo Governo do Rio Grande do Norte, proibindo qualquer tipo de paralisação no dia 7 de setembro de 2018, que possa prejudicar a rotina regular dos policiais e bombeiros militares estaduais, principalmente, por se tratar de uma data histórica da nação.

Em caso de descumprimento, ela impôs a cada uma das associações dos militares multa de R$ 50 mil, a incidir uma única vez, haja vista que a paralisação das atividades está prevista para acontecer em apenas um dia. Apesar da multa, a categoria garantiu que irá manter a mobilização no Dia da Independência.

Confira a nota da ASSPMBMRN na íntegra:

Diante da determinação da Justiça de proibir e prever multa às associações de policiais e bombeiros militares estaduais, devido à mobilização da categoria marcada para o dia 7 de setembro, as associações anunciam que mantêm o ato. “Nós respeitamos as decisões judiciais, porém continuamos firmes na defesa do que é nosso direito garantido pela Constituição Federal, o salário”, afirma a subtenente Márcia Carvalho presidente em exercício da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN).

O ato convocado é uma forma de protestar contra o atraso do pagamento do 13º salário referente a 2017. Se o Governo do Estado não quitar o compromisso com toda a categoria até o próximo dia 06, os policiais paralisam as atividades no dia 07 de setembro.

“É de se estranhar que na decisão judicial a desembargadora Maria Zeneide Bezerra se posicione apenas em relação à mobilização, mas silencie a respeito da determinação de uma data para o pagamento da gratificação, deixando os policiais e bombeiros militares da ativa, da reserva remunerada e pensionistas na mesma situação, ou seja, sem previsão do pagamento, que deveria ter sido realizado até o dia 20 de dezembro de 2017”, reitera a presidente.

Zeneide Bezerra agendou audiência de conciliação para o dia 04 de outubro de 2018, às 9 horas, na sala das Sessões do Tribunal Pleno do TJ.

Agora RN