Secretaria de Saúde de São Paulo do Potengi esclarece informações ao Blog

Foto: reprodução/Google Maps

Diante das informações recebidas e veiculadas em grupos de WhatsApp de nossa cidade, através de relatos de alguns munícipes, a redação do BLOG LUCAS TAVARES resolveu entrar em contato com Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo do Potengi para buscar esclarecimentos mediante alguns assuntos. Em outras matérias veiculadas neste portal de notícia, chegamos a cobrar medidas mais eficientes da gestão municipal diante da saúde no município.

Ao ser questionada sobre os procedimentos médicos e acompanhamento ao cidadão que testa positivo para covid-19, a Secretária falou: “Os casos são repassados para a Unidade de saúde de referência do paciente diariamente, este fica sendo monitorado pela enfermeira e Agente de saúde da área, bem como de seus contatos caso apresentem sintomas. A orientação é repassada e explicamos a importância do isolamento, lamentamos que nem todos compreendem a necessidade de manter as medidas de precaução.”

De acordo com dados repassado, atualmente São Paulo do Potengi tem 07 casos suspeitos de Covid-19 aguardando resultado. Veja dados da Covid-19 em nosso município desde o início da pandemia: Notificados: 9.502 – Aguardando exames: 07 casos – Confirmados: 3.005 casos – Descartados: 6.490 casos – Recuperados: 2.916 casos Monitorados: 48 casos e Óbitos: 41 casos.

Questionamos a Secretária Kátia Marques a respeito da constante falta de médicos nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) na cidade. Fato este que acompanhamos inúmeras reclamações através das redes sociais. “A respeito dos médicos temos disponível em todas as 08 Unidades de Saúde do município, a população pode procurar a sua unidade de saúde para realizar o agendamento da consulta e caso tenha dúvida receber informação de quais dias o médico está na sua unidade. No Centro de síndromes respiratórias e arboviroses ficamos alguns dias sem medico devido à dificuldade de um profissional aceitar a proposta, inclusive da quantidade de dias, mas no momento temos uma médica em atendimento no centro e estamos sempre tentando melhorar a oferta de serviços.”.

“Ressalto que muitos municípios já fecharam seus centros e encaminharam a esses casos para as Unidades de Saúde causando um aumento da demanda dessas unidades, e nós mantemos o nosso em funcionamento por entender a necessidade de oferecer um atendimento mais resolutivo voltado a essas patologias.”, enfatizou a Secretária de Saúde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.