Polícia Militar

PM é perseguido e assassinado no RN

Foto: Reprodução

O cabo da Polícia Militar Joab Leandro, de 40 anos, foi morto a tiros na tarde deste domingo (12), na praia de Upanema, em Areia Branca RN. Ele estava em uma moto quando foi atingido por disparos de arma de fogo e morreu no local.

Ele ainda teria sido perseguido antes de ser alvejado.

Até o momento ainda não há informações sobre a motivação para o crime. O PM estava afastado das atividades por motivos de saúde.

A investigação do crime ficará por conta da 42° Delegacia da Polícia Civil, que tem a frente o delegado Luiz Antônio.

Via Grande Ponto com informações do Porta da 96 FM

Familiares e amigos se despedem de PM morto em capotamento na BR-101 no RN

O corpo do Sub. Linhares, de 52 anos, será sepultado neste domingo (12), com honras militares

Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Familiares e amigos prestam homenagens ao policial militar Sérgio Eduardo Linhares Ferreira, de 52 anos, que morreu nesta sexta-feira (10) após capotamento de uma viatura da PM na BR-101, na altura de Rio do Fogo, no interior potiguar.

O corpo do militar está sendo velado e, a partir das 8h deste domingo (12), será sepultado em um cemitério de Extremoz, na Grande Natal. Seu enterro ocorrerá sob honras militares. De acordo com a Polícia Civil, as investigações sobre o acidente continuam.

Como se tratou de um acidente em um carro oficial, a Polícia Militar abriu uma sindicância para apuração dos fatos. Como o episódio ocorreu em uma rodovia federal, um boletim foi registrado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) para apontar as causas do acidente.

Linhares morreu nesta sexta-feira (10) em serviço. Ele e um colega, um cabo da Polícia Militar, estavam a caminho de São Miguel do Gostoso, onde trabalhariam recebendo diárias operacionais. Linhares dirigia o veículo no momento em que o veículo capotou várias vezes. O automóvel ficou totalmente destruído. O colega de Linhares foi socorrido ao Pronto Socorro Clóvis Sarinho, e está fora de perigo.

Linhares entrou na PM em 1992 e atuou em diversas unidades operacionais, como no 4º Batalhão de Polícia da zona Norte de Natal. O militar já recebeu medalha de mérito operacional pelos serviços prestados e se destacou, segundo a própria corporação, pelo profissionalismo, liderança, disciplina e amizade.
Atualmente, era subtenente da PM e atuava como comandante do destacamento em Pedra Grande, ligado ao 14º Batalhão de Polícia Militar. Ele deixa um filho de oito anos.
Via g1 RN

TERROR: Homem é amarrado, mantido de refém e ameaçado de morte no RN

Foto: Divulgação/MPRN

Um homem foi mantido de refém por dois bandidos, na madrugada deste sábado (28), em Goianinha, no interior do RN. Segundo a Polícia Militar, a vítima foi amarrada e ameaçada de morte em uma casa. Com isso, não restou alternativa a não ser tentar fugir e contactar a guarnição da cidade.

O caso ocorreu por volta das 4h, no bairro Lagoa do Poço. Em um dado momento, o homem fugiu e conseguiu falar com policiais.

Ao fazer patrulhamento pela região, a equipe da 4ª Companhia Independente de Polícia Militar encontrou os bandidos em frente a uma residência. Mas, os criminosos conseguiram fugir por uma área de mata.

No interior da residência, objetos roubados da vítima foram encontrados. Além disso, havia um revólver calibre 38, drogas e munições.

Uma mulher suspeita de envolvimento nos crimes também foi conduzida até a Delegacia de Plantão, para realização dos procedimentos cabíveis.

Via Portal 96 FM

Homem sofre choque, fica ferido e é preso após tentar roubar cabos de energia no interior

Caso aconteceu em Areia Branca, no Oeste potiguar. Comparsa também foi detido pela PM.

Alicate encontrado com suspeito de tentar furtar cabos de energia no RN — Foto: PM/CedidaAlicate encontrado com suspeito de tentar furtar cabos de energia no RN — Foto: PM/Cedida

Um homem sofreu um choque, ficou ferido e acabou preso após tentar rouba cabos de energia de um poste na zona rural de Areia Branca, na região Oeste potiguar. O comparsa dele também foi detido pela Polícia Militar.

O caso aconteceu na madrugada de sexta-feira (27). Segundo a PM, uma equipe estava frazendo um patrulhamento de rotina, por volta de 1h, perto da BR-110, quando percebeu uma queda de energia.

Por causa de furtos recentes, de fios elétricos, os policiais suspeitaram e começaram buscas na região, até se depararem com um homem com uma lanterna, dentro de um matagal e um poste caído no chão.

Policiais encontraram poste caído na zona rural de Areia Branca e acreditam que equipamento foi derrubado por bandidos para facilitar furto de fios. — Foto: PM/CedidaPoliciais encontraram poste caído na zona rural de Areia Branca e acreditam que equipamento foi derrubado por bandidos para facilitar furto de fios. — Foto: PM/Cedida

Ainda segundo a PM, o suspeito estava ferido e desorientado. Ele confessou aos policiais que estava furtanto os fios e que sofreu um choque elétrico. A polícia continuou as buscas na região e localizou o comparsa dele, que estava tentando fugir.

De acordo com a PM, a dupla tinha derrubado o poste para facilitar o furto dos cabos.

O suspeito ferido foi levado ao hospital da cidade e, após receber atendimento médico, foi encaminhado para a Delegacia de Plantão de Mossoró junto com o outro suspeito. A polícia também aprendeu um alicate usado por eles.

A dupla foi presa em flagrante por tentativa de furto e encaminhada para a Cadeia Pública de Mossoró.
Nos últimos oito meses, pelo menos cinco pessoas foram presas em flagrante pela tentativa de furto de cabos de energia em Areia Branca, segundo a PM.

A tentativa de furto frustrada nesta sexta (27) afetou cerca de 8.651 imóveis do município, segundo a Companhia de Energia do Rio Grande do Norte (Cosern). Os clientes só tiveram o fornecimento de energia normalizado no início da manhã, cerca de cinco horas depois.

Via g1 RN

Blitz da Lei Seca autua 30 motoristas por recusa ao teste do bafômetro em Natal

De acordo com a Polícia Militar, 591 veículos foram abordados durante a operação em Capim Macio na noite de sexta (20) e madrugada de sábado (21).

Foto ilustrativa da operação: Blitz autuou 30 motoristas em Natal — Foto: Cedida

Foto ilustrativa da operação: Blitz autuou 30 motoristas em Natal — Foto: Cedida

Uma blitz da Lei Seca autuou, na Zona Sul de Natal, na noite de sexta (20) e madrugada de sábado (21) 30 pessoas por recusarem fazer o teste do bafômetro, que mede a concentração de álcool no organismo.

A blitz aconteceu na Walter Duarte Pereira, em Capim Macio. De acordo com a Polícia Militar, 591 veículos foram abordados durante a operação.

Desses, 30 se recusaram a fazer o teste do bafômetro e foram autuados.

O Código de Trânsito prevê multa administrativa para quem se recusa a fazer “teste, exame clínico, perícia ou outro procedimento que permita certificar influência de álcool ou outra substância psicoativa”. Além de multa, há suspensão do direito de dirigir por 12 meses, recolhimento da habilitação e retenção do veículo.

A PM informou também que registrou outras 14 infrações envolvendo veículos e motoristas que passaram pela blitz, além de recolher um veículo de um motoboy que tentou fugir e caiu da moto ao perceber a operação – ele não tinha carteira nacional de habilitação.

Via  Inter TV Cabugi e g1 RN