RN confirma primeiro caso de varíola dos macacos em mulher; número de infectados sobe para 31

RN confirma primeiro caso de varíola dos macacos em mulher; número de infectados sobe para 31 — Foto: Imagem de arquivo – JN

O Rio Grande do Norte confirmou o primeiro caso de varíola dos macacos (Monkeypox) em mulher. Segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap) deste sábado (3), são quatro mulheres com a doença.

O RN também registrou um aumento no número de casos, chegando a 31 no total – sendo 27 em pessoas do sexo masculino.

Segundo o documento da Sesap, são 23 casos confirmados em Natal, seis em Parnamirim e dois em Mossoró.

Divididos por idades, são 16 casos no grupo entre 30 e 39 anos; 10 entre 40 e 49 anos; 2 entre 20 e 29 anos; 1 entre 0 e 11 anos; 1 entre 50 e 59 anos; e 1 entre 60 e 69 anos.

No último dia 25, a Sesap lançou um plano de contingência para prevenção e combate à disseminação da doença, com o objetivo de orientar os serviços de saúde do estado sobre as medidas de preparação e resposta.

Três unidades de saúde são apontadas como referência para casos suspeitos e confirmados: o Hospital Giselda Trigueiro, em Natal, o Hospital Rafael Fernandes, em Mossoró, e o Hospital Maria Alice Fernandes, também em Natal, porém voltado ao público pediátrico (infantil).

Segundo a Sesap, o RN vem monitorando a varíola dos macacos desde o comunicado de risco divulgado pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS) nacional em 19 de maio de 2022.

G1 RN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.