Dia: 2 de julho de 2018

Ubaldo Fernandes entrega comenda Marinho Chagas a atletas natalenses


O jogador mais famoso do Rio Grande do Norte, o ex-lateral-esquerdo Marinho Chagas, será homenageado pela primeira vez pela Câmara Municipal de Natal. Por propositura do vereador Ubaldo Fernandes (PTC), serão entregues na próxima terça-feira (03) as Comendas do Mérito Desportista Marinho Chagas a diversos atletas que se destacaram em suas modalidades esportivas no Rio Grande do Norte. “Queremos perpetuar a memória desse grande jogador, ressaltando a importância da prática desportiva como fator transformador na vida de milhares de pessoas. Vamos enaltecer os trabalhos de desportistas, técnicos, profissionais de Educação Física e entidades que se sobressaíram pelos serviços prestados ao município de Natal na área do esporte”, explicou Ubaldo Fernandes.

A cerimônia acontece às 18h30, no Plenário Érico Hackradt, da Câmara Municipal. Entre os homenageados com a comenda estarão o ex-jogador Alberi (ABC), o também ex-jogador e comentarista esportivo Edmo Sinedino, a recordista mundial em atletismo Magnólia Figueiredo, a atual campeã brasileira de remo master, Maria Cristina Souza, o vice-presidente da Confederação Brasileira de Futsal, Clóvis Gomes, o ex-presidente do ABC Judas Tadeu Gurgel, e o torcedor símbolo do América, Baé.

“Povo precisa se preocupar menos com Neymar e Bruna Marquezine”, diz Queiroga

O pré-candidato ao Governo do Rio Grande do Norte, Brenno Queiroga (Solidariedade), afirmou que a população potiguar precisa parar de prestar atenção no casal Neymar e Bruna Marquezine para avaliar os nomes que estão sendo postos ao Executivo do Estado para votarem conscientemente em outubro.

“Mesmo neste período de Copa, é preciso que a população se preocupe menos com a Neymar e Bruna Marquezine e pesquise sobre as opções de candidatos se apresentam. Quem está de fato interessado em transformar o Estado e tirar o RN dessa situação caótica na qual se encontra? Essa é a pergunta que o povo potiguar precisa se fazer”, pontuou.

Para Queiroga, o RN não deve mais depender do que chama de “política velha” e de nomes tradicionais que, em teoria, não trariam novidades e progressos ao Rio Grande do Norte. “Não há mais espaço para a política velha e ultrapassada da compra de apoio político e do favoritismo. Esse tipo de apoio, eu não quero. Acredito que chegou a hora de o povo tomar as rédeas da situação e fazer o que há muito há deveria ter feito”, afirmou.

Queiroga tem percorrido vários municípios do Estado juntamente com o deputado estadual Kelps Lima e a pré-candidata ao Senado, Magnólia Figueiredo.

AGORA RN

Jácome: “Povo é quem vai dizer se meu nome é forte para o Senado Federal”

Ciro Marques/AGORA RN

O deputado federal Antônio Jácome, do partido Podemos, será o candidato a senador da chapa encabeçada pelo ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves (PDT) e que tem o senador Garibaldi Alves Filho (MDB) como candidato à reeleição. A confirmação foi feita em evento realizado na última sexta-feira, 29, no Hotel Holliday Inn, em Natal, com a presença de lideranças políticas de Natal e do interior.

E, citando Deus, mas não falando que representa o segmento evangélico, nesta entrevista ao Agora RN, o deputado federal Antônio Jácome antecipou como será pautado o seu trabalho caso chegue ao Senado e explicou como foi o diálogo com o grupo de Carlos Eduardo, Garibaldi e do senador José Agripino (DEM) para compor a coligação.

CANDIDATURA AO SENADO

“É um desafio muito grande, e o povo é quem vai dizer se o nome é forte, se é competitivo. Mas com muita fé no coração, com Deus na frente, vai dar tudo certo. Hoje é, repito, uma reunião de agenda partidária. Vou anunciar a decisão de ser pré-candidato ao Senado da República numa coligação que inicialmente já conta com cinco partidos. Mas até a convenção, esperamos a ampliação desse leque de alianças com outros partidos”.

CONVITE PARA A CHAPA

“O convite partiu deles, certamente pelo reconhecimento e respeito à minha história e trajetória política. E foi uma iniciativa e um gesto de muito desprendimento do senador José Agripino, que percebeu que isso poderia fortalecer esse projeto de governo. Senti confiança e firmeza e, por isso, estou aceitando o convite”.

JOSÉ AGRIPINO

“Ele que me convidou para conversar. Ele que tomou a iniciativa. Repito, num gesto de grandeza, de muito desprendimento. Não condicionou absolutamente nada”.

JACÓ JÁCOME

“Jacó (filho dele) é um pré-candidato a deputado estadual pelo PSD. Não ocorreu em nenhuma desobediência partidária. Vai ser coerente como sempre foi na sua história, até pelo aprendizado que ele tem com o pai, com 30 anos de vida pública. Não creio que alguém possa cometer alguma atrocidade política a ponto de impedir que o RN possa ter, entre os que pleiteiam a Assembleia, um nome com a dedicação, com a vontade dele”.

ROBINSON FARIA

“O Podemos sempre foi um partido independente. Eu tenho relação pessoal com o governador Robinson Faria. Sou amigo dele. Colega de Câmara Federal do filho dele, Fábio Faria. Mas a política exige, pelas circunstâncias, que você tome, algumas vezes, posições divergentes. E esse momento chegou. Com muito respeito, sempre vou respeitá-lo procurando preservar a amizade que construímos ao longo de muitos anos”.

PROPOSTAS E IDEIAS

“Estou como parlamentar há mais de 20 anos. Vou continuar minhas bandeiras de luta, que são as bandeiras da área da saúde: a questão da gestão e do gerenciamento do SUS, que é o maior sistema de saúde do mundo. E, no Senado, que é uma casa moderadora, revisora, nós vamos levar toda essa experiência e o preparo adquirido nesses 30 anos de vida pública para ser um grande senador pelo Rio Grande do Norte”.

Empresários de Pipa se unem e lançam pré-candidato a deputado

Um grupo de empresários da praia de Pipa, um dos principais atrativos turísticos do Estado no litoral Sul, decidiu lançar o empreendedor Ricardo Caxangá como pré-candidato a deputado federal para as eleições desse ano.

Os empresários têm constantes queixas dos trabalhos públicos insuficientes ao turismo diante do grande potencial do Rio Grande do Norte. Por isso, decidiram se unir para ter um representante na Câmara dos Deputados e o nome escolhido foi o de Caxangá pela sua capacitação e experiência em gestão, administração e desenvolvimento econômico e turístico.

“Pipa é a referência de um encadeamento de municípios de praias e natureza tropical que possuem centenas de empreendedores altamente capacitados e mão de obra aguardando um projeto que viabilize o desenvolvimento. Mas, apesar disso, os políticos tradicionais pouco investem no setor diante do seu enorme potencial. Precisamos de quem defenda o desenvolvimento econômico que gera emprego, renda e arrecadação. Me senti honrado por ter o apoio dos meus colegas da região e, agora, vamos até o final”, disse.

Filiado ao Solidariedade, Ricardo Caxangá é dono de um dos restaurantes que mais gera empregos e atrai turistas na região, o Caxangá da Pipa. Ele pretende ser uma opção viável de representação política para o Agreste e Litoral Sul, economicamente muito fortes mas carentes de atores políticos que unam dois pilares essenciais para destravar os municípios: política voltada para o interesse público e expertise econômica para transformar riquezas naturais em benefícios para a coletividade, como empregos, renda, divisão equânime dos benefícios sociais.

Empresário-e-pré-candidato-a-deputado-federal-Ricardo-Caxangá-Foto-Divulgação

MEC divulga resultado da primeira chamada do ProUni hoje

O Ministério da Educação (MEC) divulga hoje (2) o resultado do Programa Universidade para Todos (ProUni). A lista dos candidatos pré-selecionados na primeira chamada estará disponível na página do programa.

De acordo com o MEC, a pré-seleção assegura ao candidato apenas a expectativa de direito à bolsa. Aquele que estiver na lista deverá comparecer à instituição de ensino para a qual foi selecionado e apresentar os documentos que comprovem as informações prestadas na ficha de inscrição.

O candidato deve verificar, na instituição, os horários e o local de comparecimento para a aferição das informações. A perda do prazo ou a não comprovação das informações implicará, automaticamente, a reprovação do candidato.

O prazo para que isso seja feito começa hoje e vai até o dia 10 de julho. A lista com a documentação necessária pode ser consultada na página do ProUni.

O resultado da segunda chamada será divulgado no dia 16 de julho. Nos dias 30 e 31, aqueles que não foram selecionados poderão ainda participar da lista de espera, cujo resultado será divulgado no dia 2 de agosto.

ProUni

O ProUni oferece bolsas de estudo em instituições privadas de ensino superior. Ao todo, neste processo seletivo, serão ofertadas 174.289 vagas, sendo 68.884 bolsas integrais e 105.405 parciais, em 1.460 instituições. As bolsas são para o segundo semestre.

O programa deste semestre é voltado àqueles que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2017, alcançaram no mínimo 450 pontos e tiraram nota superior a zero na redação.

Além disso, só podem participar alunos brasileiros sem curso superior e que tenham feito o ensino médio completo na rede pública ou como bolsista integral na rede privada. Alunos que fizeram parte do ensino médio na rede pública e a outra parte na rede privada, na condição de bolsista, ou que sejam deficientes físicos ou professores da rede pública também podem solicitar uma bolsa.

As bolsas integrais são voltadas àqueles com renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. As bolsas parciais de 50% são destinadas aos alunos que têm renda familiar per capita de até três salários mínimos. Quem conseguir uma bolsa parcial e não tiver condições financeiras de arcar com a outra metade do valor da mensalidade, pode utilizar o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Aplicativo

Os candidatos podem baixar o aplicativo do ProUni, disponível na Google Play e App Store, para acompanhar o calendário do processo seletivo.

AGÊNCIA BRASIL

Queijeiras do RN recebem investimentos de R$ 23 milhões

Quarenta e sete organizações produtivas de leite e queijo assinaram no sábado (30) os convênios do Edital de Apoio às Agroindústrias de Leite e Derivados, lançado pelo Governo do RN por meio do Governo Cidadão, Banco Mundial e Secretaria de Agricultura (Sape). O investimento de R$ 23 milhões vai adequar e regularizar organizações, cooperativas e queijeiras de todo o Estado.

Somente no Seridó, 39 queijeiras estão sendo beneficiadas. O produtor Lucenildo Firmino, de Serra de Santana, em Tenente Laurentino, comemora o início do projeto, que vai beneficiar diretamente sua queijeira. “Eu era funcionário, há dois anos comprei a queijeira e hoje gero emprego. A partir de agora, com a regularização, vamos eliminar a figura do atravessador e chegar a outros mercados, aumentar nosso lucro e tornar nosso queijo conhecido em todo o RN”, comemora.

“Este momento coroa um esforço conjunto de todo o Governo. Em meio a tantas dificuldades, o governador tomou como prioridade tirar o setor da informalidade sem deixar perder o aspecto artesanal. Nosso queijo é uma iguaria cada vez mais consumida e valorizada e isso só tende a crescer a partir de agora”, destacou o secretário e coordenador do Governo Cidadão, Vagner Araújo.

Quase 400 agricultores estão sendo diretamente beneficiados. As assinaturas aconteceram em solenidade na Câmara Municipal de Currais Novos e contaram com a presença do governador Robinson Faria. “Hoje é um dia histórico para a região do Seridó. A partir de agora vamos levar nosso queijo para além das fronteiras do Rio Grande do Norte”, disse.

Especificamente no Seridó, o edital fará a estruturação de 39 agroindústrias (queijeiras). A meta é atingir a regularização junto aos órgãos de inspeção sanitária como IDIARN e Ministério da Agricultura, após a adequação da estrutura física do empreendimento, aquisição de máquinas e equipamentos, logística de transporte, comercialização e capacitação.

O edital beneficia oito organizações do Seridó, sendo duas cooperativas. Ainda serão investidos em subprojetos nos outros quatro territórios: Açu-Mossoró, Agreste Litoral Sul, Sertão Central Litoral Norte e Sertão do Apodi.

Central do Cidadão

O governador Robinson Faria também visitou as obras da Central do Cidadão de Currais Novos, que começaram neste mês. Os investimentos somam R$ 3,4 milhões e são oriundos do Governo Cidadão e Banco Mundial. Quando pronta, a Central vai atender a população de oito municípios e realizar uma média de 35 mil atendimentos por mês.

PORTAL NO AR

Brasil pega o México para provar que ainda é uma potência do futebol mundial

A seleção brasileira passou pela primeira fase da Copa do Mundo com folga, apesar do susto inicial, mas tem nesta segunda-feira uma espécie de “hora da verdade”. Enfrenta o México pelas oitavas de final da disputa na Rússia, na Arena Samara, e precisa assumir sua condição de grande do futebol do planeta. Alemanha, Argentina e Espanha já fracassaram nessa tentativa. Portugal também se despediu. Itália nem veio ao Mundial. Diante de rival teoricamente inferior, cabe ao Brasil mostrar por que já ganhou cinco títulos e é o maior vencedor.

A partida que começa às 11 horas (de Brasília) é eliminatória e, por isso, empate no tempo normal força a prorrogação de mais 30 minutos. Se necessário, haverá disputa por pênaltis para definir quem se classifica. Espanha e Rússia passaram por isso no domingo, assim como Croácia e Dinamarca – pelas oitavas.

Para Tite, a melhor maneira de a seleção confirmar o protagonismo, e o consequente favoritismo, é continuar no processo de evolução que vem ocorrendo de um jogo para outro. “Minha expectativa é que a equipe repita o padrão do último jogo, daí para mais. Na partida anterior (contra a Sérvia), todos os atletas tiveram excelente desempenho. Isso fortalece, diz. “Temos de reproduzir – no aspecto técnico, tático, físico e emocional – o padrão do jogo anterior, porque é decisivo.”

Ele optou por escalar Filipe Luis na lateral-esquerda, pois Marcelo, apesar de recuperado do espasmo muscular que o tirou de campo aos 8 minutos da partida com os sérvios, poderia sentir o ritmo do jogo. Fagner ganhou posição na lateral-direita (Danilo ficará no banco). Tite também decidiu manter Willian e Gabriel Jesus no time.

Com isso, a seleção terá praticamente a formação que iniciou o duelo em que garantiu a classificação para as oitavas – 2 a 0 contra os sérvios. A manutenção é fundamental para a continuidade do processo de evolução que Tite tanto prega.

O México é considerado um adversário perigoso. Também por isso, nem Tite nem seus pares de comissão quiseram dar detalhes sobre a estratégia para superar a equipe de Juan Carlos Osorio. “Nesses aspectos táticos, vamos segurar um pouco as informações. Sei da qualidade do trabalho da seleção mexicana. Não vou trazer minuciosamente situações específicas.”

O Brasil tem planos de jogo. “A gente já tem o plano A e o plano B para esse jogo, e esperamos passar. O nosso objetivo é jogar bem”, acrescentou Thiago Silva, que nesta segunda será o capitão brasileiro pela segunda vez nesta Copa – ele também vestiu a braçadeira contra a Costa Rica.

ESTADÃO CONTEÚDO