Natal

Jogo do acesso: Mais de 11 mil ingressos já foram vendidos para América x Caxias na Arena das Dunas

América espera reunir 31 mil pessoas na Arena das Dunas – Foto: Canindé Pereira / América FC

98 FM Natal – Mais de 11 mil ingressos já foram vendidos para o jogo da volta entre América e Caxias (RS), que acontecerá no dia 28 de agosto, a partir das 16h, na Arena das Dunas, pela Série D do Campeonato Brasileiro. A partida vai decidir quem vai subir para a Série C.

A venda dos ingressos começou nesta segunda-feira (15). As 11 mil entradas saíram em menos de 24 horas. Pelas redes sociais, o América comemorou a alta procura dos torcedores. A meta do clube é lotar o estádio com 31 mil pessoas.

Os ingressos para setores Leste, Sul, Norte e Sudoeste são vendidos a R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia); e R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia) para as Cadeiras Premium. Estes preços são válidos até sábado, dia 20. Mulheres pagam R$ 10 (valor fixo) para os setores Leste, Sul, Norte e Sudoeste, e meia-entrada nas Cadeiras Premium.

Mulheres pagam R$ 10 (valor fixo) para os setores Leste, Sul, Norte e Sudoeste, e meia-entrada nas Cadeiras Premium.

A partir de 21 de agosto, os valores serão os seguintes: Setores Leste, Sul, Norte e Sudoeste: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia). Cadeiras Premium: R$ 120 (inteira) e R$ 60 (meia).

Locais de venda:

  • Site da Arena das Dunas;
  • Sede do América – de segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 9h às 13h;
  • Loja Redenção (Via Direta) – de segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 9h às 16h;
  • Loja Redenção (Alecrim) – de segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 9h às 16h;
  • Loja Redenção (Partage Norte Shopping) – de segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 9h às 16h;
  • Mecão Store (Arena das Dunas) – de segunda a sexta, 9h às 19h / sábado, das 9h às 12h;
  • Arena das Dunas – Bilheteria B2-Sul, Portão L (No dia do jogo) – a partir das 10h.

Saneamento de Natal está estagnado e só haverá ampliação em 2023, diz presidente da Caern

Reprodução

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) esteve no foco da discussão da classe política potiguar nos últimos dias. Em discussões com a Fecomércio, a possibilidade de privatização da companhia foi debatida com os candidatos ao Governo do Estado. O presidente da Caern, Roberto Linhares, é contra a hipótese. Em entrevista ao Jornal da Manhã, da Jovem Pan News Natal (93,5 FM), na manhã desta terça-feira (16), Linhares explicou seus motivos para rejeitar a chance de privatização e falou sobre os principais problemas enfrentados pela companhia. O saneamento básico em Natal é um deles, com o percentual de cobertura estagnado há quatro anos devido à dificuldade de conclusão de novas estações de tratamento. O presidente “culpa” o Governo Federal.

Segundo o presidente da companhia, a Caern tem avaliação de R$ 3,1 bilhões, com R$ 1,7 bilhão em patrimônio líquido, mas o valor para venda não superaria os R$ 800 milhões. Na opinião de Linhares, quem comprasse a companhia não teria interesse nas áreas menos rentáveis e faria com que o Governo do Estado precisasse assumir essas áreas, que gerariam gasto mensal de R$ 50 milhões, o que resultaria no gasto do valor arrecadado com a venda em um ano e meio.

Questionado se não poderia haver, como há em outras concessões, como nos transportes, a obrigatoriedade de se assumir junto às áreas rentáveis locais que são deficitários, o presidente da Caern disse que 120 das 167 cidades do estado são deficitárias financeiramente com relação aos serviços de abastecimento de água e saneamento básico. Por isso, na opinião dele, não haveria interesse das companhias.

“O pessoal compara com o setor de energia, mas desde o nascedouro é diferente. Energia a concessão é estadual. Água e esgotos é do município. A titularidade é dos municípios. A diferença já é significativa a partir desse ponto. A empresa que compra pode ficar só no ‘filé’. Poderia (licitar locais rentáveis com menos rentáveis), mas não gera interesse econômico. Foi o que aconteceu com o Rio de Janeiro, que passou por problemas”, disse Linhares, citando ainda como exemplos mal sucedidos de privatizações os estados do Amazonas, Rio Grande do Sul e Minas Gerais.

Na entrevista, Roberto Linhares também falou sobre a dificuldade de se fazer investimentos em infraestrutura, desde a distribuição (adução) de água, até as ações de saneamento. Na área de saneamento, inclusive, Linhares disse que o percentual de cobertura em Natal é de 51%, o mesmo desde o início da gestão do Governo do Rio Grande do Norte. Segundo ele, não houve avanço porque não foram concluídas as estações de tratamento de esgotos previstas.

“Somos um Governo do PT com um Governo Federal totalmente contrário. A gente não encontra facilidade no Ministério do Desenvolvimento Regional”, disse. Questionado sobre os anúncios de repasses realizados pelo MDR para o Rio Grande do Norte, com inauguração de obras importantes na área de segurança hídrica, Linhares disse que não foi para o saneamento. “Estou parado para readequação contratual há cinco meses e não se encontra facilidade para fazer a readequação. Até na Caixa temos dificuldade em tratar de determinados temas”, disse Linhares, afirmando que o objetivo seria fazer a readequação do contrato para usar o restante dos recursos na compra de equipamentos. A obra está em curso desde 2013.

De acordo com o presidente da Caern, enquanto não forem concluídas as duas estações de tratamento prontas, “não cresce um por cento” o saneamento. A ETE Jaguaribe está com 95% de obra concluída e deve ser concluída em 2023. Já a dos Guarapes, a expectativa é que seja finalizada somente em 2024.

Tribuna do Norte

Prefeitura anuncia lista de permissionários aptos para assumir linhas de ônibus suspensas

Pedro Thiago/STTU

A Secretaria de Mobilidade Urbana anunciou a lista de permissionários do Sistema de Transporte Opcional para assumir as linhas de ônibus suspensas na cidade do Natal.  A divulgação foi realizada por meio do Diário Oficial do Município nesta segunda-feira (15).

Segundo a STTU foram 29 inscrições iniciais e, após análise das candidaturas, foram aprovados 14 permissionários que poderão operar os itinerários das linhas suspensas.

De acordo com o secretário adjunto da STTU, Lincoln Werner, as novas operações poderão começar até o final do mês de agosto, mas considera que isso também depende dos permissionários. “Somente após a escolha das linhas é que os veículos serão vistoriados e aptos para cumprir as ordens de serviços – que definem os quadros de itinerários, número de viagens e horários”, pontuou o gestor.

A lista com os nomes dos permissionários está disponível neste link.

Dias 19 e 20 de agosto tem Festival MPB 84 na Arenas das Dunas; últimas mesas estão à venda

Neste fim de semana, nos dias 19 e 20 de agosto, Natal será palco de um evento que celebra a Música Popular Brasileira, o Festival MPB 84. Inspirado nos festivais da canção das décadas de 60/70, o evento proporcionará um Festival de Música Potiguar para as bandas e intérpretes que tenham composições autorais de estilo livre e variados. O evento é uma iniciativa para valorizar a música autoral contemporânea produzida pelas bandas e por jovens e veteranos músicos do RN. O festival visa incentivar novas composições impulsionando os criadores a retomarem o olhar criativo e inspirador contribuindo para atrair e formar novas plateias para shows de artistas e bandas potiguares.

A 1ª edição do Festival MPB 84 encerrou a etapa de inscrições com sucesso no número de participantes. Ao todo, 345 músicas foram inscritas para participar da seleção e concorrer a prêmios. O Festival recebeu inscrições de todo o Rio Grande do Norte. Músicos e bandas de várias cidades do Estado participaram da seleção, entre eles representantes de Parnamirim, Areia Branca, São Gonçalo, Currais Novos entre outras. ”O Festival MPB84 tem tido uma repercussão bastante positiva e o número de músicas inscritas comprovam isso. Temos muitos talentos e estava fazendo falta um festival com premiações atrativas e que especialmente possibilite um importante espaço e momento de apresentação e valorização da música autoral potiguar”, revela Marcelo Veni, produtor artístico e coordenador do Festival MPB 84.

Com a quantidade incrível de inscrições recebidas pela produção, a curadoria composta pela cantora Tanda Macêdo, e pelos produtores musicais e instrumentistas Sergio Groove e Ze Marcos ampliou de 12 para 15 finalistas que foram selecionados e irão se apresentar na sexta dia 19, a partir das 19h, com acesso gratuito e doação de 1 kg de alimento não perecível. São eles: Bob Marlon, Carcará na Viagem, Carlos Zens, Forró NaManha, França, Julhin de Tia Lica, Júlio Lima, Luaz, Nara Costa, Neguedmundo, Paulo Café, Pretta Soul, Samara Alves, Sueldo Soares e Yrahn Barreto. Os vencedores ganharão premiações financeiras, troféus e o primeiro lugar vai tocar no palco de encerramento do evento na noite de sábado, 20 de agosto, ao lado de grandes nomes da música brasileira como Elba Ramalho; Fagner; Waldonys e Geraldo Azevedo com Chico Cesar, no projeto Violivoz. “Nunca se reuniu tantos artistas renomados em um só festival no Rio Grande do Norte”, comemora Jarbas Filho, diretor da Viva.

A primeira noite do Festival MPB 84, no dia 19, será ambientado no Lounge Bossa Nova da Arena das Dunas. O evento, com os grandes shows no dia 20, oferece diversas opções de setores, dando a oportunidade do público escolher assistir na pista, no lounge ou então comprar mesas para que possam assistir sentados, e entradas com desconto de meia e convênio Unimed. As mesas já estão acabando. As vendas estão acontecendo no link https://outgo.com.br/festival-mpb-84. O projeto conta com patrocínio via incentivo fiscal da Lei Djalma Maranhão pela Prefeitura do Natal, da Arena das Dunas, Holliday Inn Natal. Condimentos Sadio e Indústria Tanlux. O festival MPB 84 veio para movimentar a cena musical do RN. O projeto é uma realização FF Entretenimento e tem produção cultural da Viva Entretenimento. Mais informações: @festivalmpb84 e whatsapp da Viva: 84 9601-9329.

RN tem 10 casos confirmados de varíola dos macacos

Ilustrativa

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap) está em vigilância em relação ao aumento de casos de ‘monkeypox’, a varíola dos macacos, no Rio Grande do Norte. De acordo com o mais recente boletim epidemiológico, divulgado pela pasta nesta segunda-feira (15), já são 10 casos confirmados, e outros 45 suspeitos.

Entre as confirmações, um caso corresponde a um indivíduo entre 21 e 30 anos; 4 são de pessoas entre 31 e 40 anos; outros 4 de pessoas entre 41 e 50 anos; e 1 caso de um indivíduo de 51 a 60 anos. Dos 10 casos confirmados, seis correspondem a notificações em Natal, três em Parnamirim e um em Mossoró. A capital potiguar possuí, ainda, um caso provável para a doença.

Até agora, 15 casos que eram considerados suspeitos foram descartados. A pasta reforça que está concluindo o Plano de Contingência estadual e vem qualificando profissionais da rede estadual e dos municípios sobre coleta e vigilância laboratorial adequada.

G1 RN

Procon Natal aponta redução de preços dos combustíveis pelo segundo mês seguido

Alessandro Marques/Procon Natal

Os preços dos combustíveis voltaram a cair em Natal. Esse é o segundo mês consecutivo que o Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor – Procon identifica essa redução. A queda no valor cobrado na bomba, no mês de agosto, foi de (-14,61%) na gasolina comum e de (-14,56%) na aditivada. O etanol apresentou redução média de (-11,89%). Diesel e gás veicular tiveram comportamento semelhante.

O preço médio da gasolina comum nesse mês é de R$ 5,62, e no mês passado a pesquisa encontrou o preço médio desse combustível de R$ 6,58, uma redução de R$ 0,96. A redução no ICMS (Imposto sobre Circulação de  Mercadorias e Serviços) tem uma relação direta com a mudança nos preços.

Comparando com o mês de julho, antes da alteração no imposto, a pesquisa encontrou um preço médio da gasolina de R$ 7,98, e isso representa uma redução na bomba de R$ 2,36. A gasolina aditivada também teve redução, nesse mês o preço médio é de R$ 5,69 e no mês de julho a pesquisa encontrou um preço médio de R$ 6,66, uma redução de R$ 0,97, na pesquisa de junho o preço médio era de R$ 8,03, comparando com com o preço médio desse mês redução de R$ 2,34.

A redução chegou também no etanol, de acordo com os preços coletados pelos pesquisadores. O preço médio desse combustível em junho era de R$ 6,43, em julho foi de R$ 5,95, e agora em agosto a pesquisa encontrou um preço médio de R$ 5,24, uma redução de R$ 0,71, em relação ao mês de julho, e comparando com o preço médio de junho a redução é de R$ 1,19.

Diesel e gás veicular

Na sexta-feira (5), foi anunciada pela Petrobras redução no valor do diesel tipo “A”, nas refinarias, de R$ 5,61 para R$ 5,41. A pesquisa realizada no dia 10 encontrou variação no diesel comum de (-3,79%) e no diesel S-10 de (-4,0%). Em julho, mesmo sem essa redução, a pesquisa encontrou uma variação negativa significativa para esses combustíveis de (-0,84%) e (-1,88%) respectivamente.

O preço médio desse combustível, esse mês foi de R$ 7,31 e no mês de julho era de R$ 7,60, já o diesel S-10 o preço médio esse mês foi de R$ R$ 7,56 e no mês passado o preço encontrado foi de R$ 7,88, ou seja, redução de R$ 0,29 e R$ 0,31 respectivamente.

Mesmo com essa redução, a pesquisa identificou preços para o diesel comum com variação de 13,06% entre o maior e menor preços, nos postos pesquisados, sendo o maior preço de R$ 7,79 e o menor de R$ 6,89, uma diferença de R$ 0,90. Já para o diesel S-10 o maior preço foi de R$ 7,99 e o menor de R$ 6,96 uma diferença entre o maior e o menor de R$ 1,03, e isso representa uma variação de 14,80%.

A pesquisa também identificou redução no preço do gás veicular, quando no mês de julho a variação foi de (-3,73%). Já no mês de agosto a variação encontrada foi de (-0,73%). O preço médio em julho era de R$ 4,40, uma redução de R$ 0,03 no m3, uma vez que o preço médio nesse mês foi de R$ 4,37. No mês de junho a pesquisa encontrou esse combustível sendo vendido em média à R$ 4,55.

A pesquisa percorre, mensalmente, 84 (oitenta e quatro) postos de gasolina na cidade do Natal, contemplando as quatro regiões da cidade. Os preços foram reduzidos em 98% dos postos, para a gasolina comum. Em 2% dos postos visitados não havia gasolina comum apenas aditivada. Para o etanol o percentual de postos que reduziram preços foi de 94%. Os que não alteraram valores em relação à pesquisa anterior foi 1%, e em 5% dos locais não havia esse tipo de combustível.

O percentual de postos com redução no diesel S-10 foi de 71%, permaneceram com os mesmos preços do mês passado 5% e em 17% dos postos pesquisados não havia esse tipo de combustível. O Procon Natal também encontrou um percentual de 7% de postos que reajustaram seus preços a maior.

Análise por zona

A zona sul de Natal tem a maior quantidade de postos que reduziram preços. Em todos os postos pesquisados aparecem redução no etanol e na gasolina comum. No diesel S-10 foi encontrado um percentual de 79% com redução, 11% com reajuste a maior e em 10% não dispunha desse combustível à venda.

Na zona norte todos os postos pesquisados foram verificados redução nos preços da gasolina comum. No etanol, 83% estavam com redução. Em 6% dos postos da o preço de julho foi mantido e em 11% não havia esse combustível para venda. No diesel S-10 o percentual de redução foi de apenas 44%. Em 17% estavam praticando o mesmo preço de julho e em 11% foi encontrado reajuste no preço a maior.

Na zona oeste 93% dos postos estavam com o preço da gasolina comum com redução. Já no caso do etanol todos os postos dessa região apresentaram redução nos preços em relação ao mês passado. Em 79% dos postos o diesel S-10 teve redução nos preços e em 14% não tinha esse combustível à venda.

Na zona leste, em 96% dos estabelecimentos foi encontrado redução no preço da gasolina comum. Para o diesel, o percentual de postos com preço reduzido em relação ao mês anterior foi de 88%. Já para o diesel S-10 nessa região, 79% estavam com seus preços menores que o mês anterior, e em 4% estavam com seus preços reajustados a maior. Em 17% dos postos dessa região não havia esse combustível à venda.

Os melhores preços em média foram encontrados na zona leste e oeste com a gasolina comum mais barata de R$ 5,60. Na zona norte o preço mais médio está mais caro com R$ 5,64. Em julho a pesquisa encontrou a melhor região com preço médio a sul com R$ 5,56 e a região mais cara neste mês foi a oeste e norte com R$ 5,59. O etanol mais barato está na região oeste, em média o preço é de R$ 5,21. Já a maior média de preço foi encontrada na leste, R$ 5,25.

No mês passado os melhores preços em média estavam na região sul com R$ 5,88 e a região com os maiores preços foi a leste com R$ 6,00.

A região com o melhor preço de diesel foi a oeste, o diesel comum com R$ 7,22 e o S-10 de R$ 7,50, já o diesel com os maiores preços a pesquisa encontrou na zona leste com R$ 7,39 e R$ 7,64 respectivamente. No mês de julho o diesel comum e o S-10 esses combustíveis estavam com os melhores preços na região norte com R$ 7,37 e R$ 7,69, já os maiores preços para esses combustíveis no mês passado foi encontrado na região leste com R$ 7,70 e R$ 7,95 respectivamente.

Uso dos dados

O Procon Natal orienta os consumidores para que tenham atenção na hora do abastecimento, observando os preços praticados na bomba.

As planilhas contendo todos os dados de preço, média, e variação, bem como os estabelecimentos pesquisados, para todos os combustíveis, dentre outras informações, podem ser obtidas através do endereço eletrônico http://www.natal.rn.gov.br/procon/pesquisa.

É permitido cópia dos dados da pesquisa, desde que seja citada a fonte: Núcleo de pesquisa Procon Natal. No entanto, é vedada a utilização deste material, integral ou parcial, para fins de anúncio publicitário comercial de qualquer espécie.

Grande Ponto

Advogado pede prisão de secretário de Fátima após descumprimento de decisão judicial em que mulher que pode perder o pé

Reprodução

Uma paciente corre o risco de ter metade da perna amputada. Tudo começou no dia 26 de junho em Mossoró. Ela já tentou cirurgia nos Hospitais Rafael Fernandes e Tarcísio Maia.

Já existem duas ordens de bloqueio de  dinheiro concedido pela Justiça de Caraúbas para que a Secretaria Estadual de Saúde pague a cirurgia na rede privada. Desde do dia 22 de julho tem decisão judicial, mesmo assim, sem sucesso porque não existe dinheiro nas contas do estado.

O advogado Renan Meneses pede que seja feita a transferência de R$ 159 mil das contas do Estado “para os prestadores, destacando oficial de Justiça para intimar pessoalmente e acompanhar o efetivo cumprimento”. Assim a cirurgia pode ser realizada.

Em caso de descumprimento, o advogado ingressou com pedido de prisão do secretário Estadual de Saúde, Cipriano Maia. A paciente está piorando seu estado de saúde.

Blog do Gustavo Negreiros

Motorista embriagado causa grave acidente e deixa uma pessoa morta em Natal

Divulgação

Um motorista embriagado provocou um grave acidente na noite de domingo na avenida Coronel Estevam, no bairro de Dix-Sept Rosado à altura da Rodoviária de Natal e do prédio do Tribunal de Justiça.

Segundo informações, o carro que ele dirigia ultrapassou o sinal vermelho e colidiu em outro que estavam cinco pessoas, inclusive crianças.

Após a colisão, viaturas do Samu foram atender a ocorrência e socorreram as vítimas levando-as ao hospital Walfredo Gurgel enquanto o motorista sofreu pequenas escoriações e ficou ao lado do carro acidentado enquanto a Polícia Militar chegava ao local.

De acordo com o Alerta Natal, o veículo em que estavam as cinco pessoas era transporte por aplicativo e levava uma família que voltava da festa de dia dos pais. O motorista por aplicativo, uma mulher e duas crianças foram levados ao hospital para o atendimento de urgência. Já o pai da família não resistiu e morreu.

Uma mulher que estava no carro com o motorista embriagado também foi levada ao hospital e, segundo o Alerta Natal, uma terceira pessoa estaria no carro que provocou o acidente e foi vista correndo e saindo do local da batida.

O motorista que causou o acidente foi levado à delegacia de plantão da zona Sul.

Alerta Natal

Câmara celebra Dia do Advogado com entrega de Comenda Miguel Seabra Fagundes

A Câmara Municipal de Natal entregou a Comenda Desembargador Miguel Seabra Fagundes, nesta quinta-feira, 11 de agosto, durante sessão solene de propositura da vereadora Ana Paula (SD), em alusão ao Dia do Advogado. Foram agraciados 38 profissionais da advocacia.

“Esta solenidade já é tradição nesta Casa, como um importante reconhecimento a essa profissão essencial ao estado democrático de direito e à defesa dos interesses dos cidadãos”, justificou a propositora.

A Comenda Desembargador Miguel Seabra Fagundes foi instituída pelo Decreto Legislativo 1286/16, pelo então vereador Júlio Protásio. “Para qualquer jurista é uma grande honra receber homenagem com o nome de um dos maiores juristas do Rio Grande do Norte e quiçá do Brasil”, enfatizou a juíza do TRE/RN, Adriana Magalhães, uma das homenageadas da noite. O natalense Miguel Seabra Fagundes foi procurador do Tribunal Regional Eleitoral do RN, desembargador da Corte de Apelação, além de presidente do Conselho Federal da OAB e ministro da Justiça no governo do presidente Café Filho.

“O 11 de agosto foi instituído como Dia do Advogado por ter sido nesta data que, em 1827, foram implementados os dois primeiros cursos de Direito do Brasil”, lembrou o presidente da Academia de Letras Jurídicas do Rio Grande do Norte (Alejurn), Lúcio Teixeira.

Representando a seccional da Ordem dos Advogados do Brasil, a vice-presidente da OAB/RN, Maria Lidiana Dias de Souza, ressaltou a importância da homenagem e lembrou que, apesar de muito festejada, a advocacia ainda é muito atacada e criminalizada, com casos frequentes de desrespeito às prerrogativas dos advogados, segundo ela. A advogada, natural de Umarizal, município do Oeste potiguar, recebeu o Título de Cidadã Natalense, durante a solenidade.

A Assembleia Legislativa foi representada pelo deputado estadual Kelps Lima. Ele também foi um dos advogados agraciados com a Comenda Desembargador Miguel Seabra Fagundes. O Governo do Estado, a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), a Associação de Mulheres de Carreira Jurídica (ABMCJ), a Associação dos Advogados (AARN), a Defensoria Pública, a Associação das Defensoras e Defensores Públicos do RN (Adpern), e a Associação Nacional da Advocacia Negra (Anan) também enviaram representantes para prestigiar a sessão solene.

Protesto de estudantes e entidades sindicais fecham Salgado Filho e Nevaldo Rocha hoje (11)

Protestos de estudantes e entidades sindicais interrompem o fluxo nas avenidas Salgado Filho e Nevaldo Rocha nesta quinta-feira (11), dia em que é celebrado o Dia do Estudante. Os atos acontecem em outras 21 capitais e no Distrito Federal, sob a alegação de ser em prol da “Democracia”.

A Polícia Militar irá empregar 31 homens para garantir a segurança do ato. Serão oito PMs na concentração do evento, os quais serão remanejados depois para acompanhar o evento. Eles integrarão as guarnições motorizadas (serão 19 homens no total), além de motocicletas (com seis policiais) e mais seis policiais em conjuntos de animais.

Entidades sindicais, Movimentos Sociais e estudantis (DCE-UFRN, DCE-UERN, UEE, UNE, APES, UMES, UESP, FENET) estão à frente da manifestação.

96 FM