Recife

Governo de Pernambuco atualiza para 56 número de mortos no estado; Chuvas fortes atingem a região desde a última quarta-feira

Foto: Ministério do Turismo / Reprodução

O número de mortos pelas fortes chuvas que atingem o estado de Pernambuco subiu para 56, segundo boletim divulgado hoje à tarde (29) pelo governo estadual.

As chuvas atingem o estado desde a última quarta-feira (25) e deixaram 3.957 pessoas desabrigadas. Há ainda, segundo o governo de Pernambuco, outras 56 pessoas desaparecidas nos municípios do Recife e de Olinda. Desde a sexta-feira (27), mais de 46 mil chamados foram feitos pelo telefone 193, informou a administração estadual.

Na manhã de hoje, o governador Paulo Câmara reuniu o seu secretariado e os chefes dos comandos militares para monitorar e reforçar as ações nas regiões metropolitana do Recife, Zona da Mata e Agreste, as mais atingidas pelas chuvas. O governo informa que, neste momento, há 12 pontos de deslizamento sendo acompanhados pelas equipes.

A tragédia provocada pelas chuvas fez os municípios de Jaboatão dos Guararapes e do Recife decretarem situação de emergência. “É muito triste o que vem acontecendo, não só no nosso município, mas na região metropolitana e em outras cidades do estado, com perdas de vidas e tantas famílias desabrigadas. Estamos colocando toda a nossa equipe para ajudar essas pessoas nesse momento. O volume de chuvas foi inesperado, acima da média dos últimos 30 anos”, disse o prefeito Mano Medeiros, de Jaboatão dos Guararapes.

Hoje pela manhã, uma comitiva de ministros do governo federal sobrevoou o estado. Já o presidente Jair Bolsonaro anunciou em suas redes sociais que irá a Pernambuco amanhã (30) para “ melhor se inteirar da tragédia” causada pelas chuvas no Grande Recife.

Via Agência Brasil

Base Aérea de Natal envia ajuda para análise das áreas afetadas no Recife

Base Aérea de Natal (BANT), por meio do 1°/8° Grupo de Aviação, enviou ajuda para as autoridades responsáveis pela análise das áreas afetadas pelas chuvas no Grande Recife neste domingo (29).

Foto: Divulgação

Segundo a BANT, um helicóptero H-36 Caracal, ajudou autoridades, como os ministros da Saúde, da Cidadania, do Desenvolvimento Regional e do Turismo, que sobrevoaram a capital pernambucana para analisar danos causados pelas condições climáticas.

O governo do Rio Grande do Norte autorizou o envio de forças de segurança pública para auxiliar as vítimas de alagamentos e desmoronamentos causados pelas chuvas em Pernambuco. Partiram na manhã deste domingo (29), direto para Recife, 8 militares do Corpo de Bombeiros e mais um cão farejador.

Via Tribuna do Norte

RN envia bombeiros para auxiliar no resgate de vítimas das chuvas em Pernambuco

Oito bombeiros, sendo cinco especializados em buscas e resgates em estruturas colapsadas e três guarda-vidas mergulhadores foram enviados junto com um cão farejador.

O governo do Rio Grande do Norte enviou na manhã deste domingo (29) oito bombeiros militares para auxiliar no resgate e na busca pelas vítimas das fortes chuvas que caíram nesta semana em Pernambuco.

De acordo com o governo do RN, fazem parte da equipe cinco bombeiros especializados em buscas e resgates em estruturas colapsadas, e três guarda-vidas mergulhadores.

Além disso, também integra a equipe um cão farejador.

As equipes viajaram em duas picapes da corporação. Entre os equipamentos levados, também foi incluído um bote inflável, que é utilizado em salvamentos.

Desde quarta-feira (25), já morreram pelo menos 44 pessoas vítimas das fortes chuvas, que causaram alagamentos e desmoronamentos em Pernambuco.

Bombeiros potiguares também trabalharam nos resgates que ocorreram em Petrópolis, no Rio de Janeiro, em fevereiro deste ano.

Imagem de arquivo: equipe atuou em Petrópolis, no Rio de Janeiro, em fevereiro — Foto: DivulgaçãoImagem de arquivo: equipe atuou em Petrópolis, no Rio de Janeiro, em fevereiro — Foto: Divulgação

Via g1 RN