Climatologia

Inmet emite novo alerta de chuvas de até 100 milímetros para todo o RN

Chuvas podem atingir de 50mm a 100mm em um dia, segundo o órgão. Aviso é válido até 10h de segunda-feira (6).

Chuvas intensas vão atingir todo o RN — Foto: DivulgaçãoChuvas intensas vão atingir todo o RN — Foto: Divulgação

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu, neste domingo (5), um novo alerta laranja (entenda abaixo) de chuvas intensas, que dessa vez atinge todo o Rio Grande do Norte. O aviso é válido até as 10h desta segunda-feira (6).

De acordo com o órgão, o alerta prevê chuvas entre 30 e 60 mm por hora ou de 50 mm a 100 mm por dia. Alem disso, os ventos podem variar entre 60 e100 km/h.

Perigo Potencial (amarelo) – Situação meteorológica potencialmente perigosa. Cuidado na prática de atividades sujeitas a riscos de caráter meteorológico. Mantenha-se informado sobre as condições meteorológicas previstas e não corra risco desnecessário.
Perigo (laranja) – Situação meteorológica perigosa. Mantenha-se muito vigilante e informe-se regularmente sobre as condições meteorológicas previstas. Inteire-se sobre os riscos que possam ser inevitáveis. Siga os conselhos das autotidades.
Grande perigo (vermelho) – Situação meteorológica de grande perigo. Estão previstos fenômenos meteorológicos de intensidade excepcional. Grande probabilidade de ocorrência de grandes danos e acidentes, com riscos para a integridade física ou mesmo à vida humana. Mantenha-se informado sobre as condições meteorológicas previstas e os possíveis riscos. Siga as instruções e conselhos das autoridades em todas as circunstâncias e prepare-se para medidas de emergência.

O Inmet aponta que há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

O órgão orienta que, em caso de rajadas de vento, a população não se abrigue debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas, e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda. Também recomenda que aparelhos elétricos e quadro geral de energia sejam desligados, se possível.

Mais informações podem ser conseguidas junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Via g1 RN

Governo de Pernambuco atualiza para 56 número de mortos no estado; Chuvas fortes atingem a região desde a última quarta-feira

Foto: Ministério do Turismo / Reprodução

O número de mortos pelas fortes chuvas que atingem o estado de Pernambuco subiu para 56, segundo boletim divulgado hoje à tarde (29) pelo governo estadual.

As chuvas atingem o estado desde a última quarta-feira (25) e deixaram 3.957 pessoas desabrigadas. Há ainda, segundo o governo de Pernambuco, outras 56 pessoas desaparecidas nos municípios do Recife e de Olinda. Desde a sexta-feira (27), mais de 46 mil chamados foram feitos pelo telefone 193, informou a administração estadual.

Na manhã de hoje, o governador Paulo Câmara reuniu o seu secretariado e os chefes dos comandos militares para monitorar e reforçar as ações nas regiões metropolitana do Recife, Zona da Mata e Agreste, as mais atingidas pelas chuvas. O governo informa que, neste momento, há 12 pontos de deslizamento sendo acompanhados pelas equipes.

A tragédia provocada pelas chuvas fez os municípios de Jaboatão dos Guararapes e do Recife decretarem situação de emergência. “É muito triste o que vem acontecendo, não só no nosso município, mas na região metropolitana e em outras cidades do estado, com perdas de vidas e tantas famílias desabrigadas. Estamos colocando toda a nossa equipe para ajudar essas pessoas nesse momento. O volume de chuvas foi inesperado, acima da média dos últimos 30 anos”, disse o prefeito Mano Medeiros, de Jaboatão dos Guararapes.

Hoje pela manhã, uma comitiva de ministros do governo federal sobrevoou o estado. Já o presidente Jair Bolsonaro anunciou em suas redes sociais que irá a Pernambuco amanhã (30) para “ melhor se inteirar da tragédia” causada pelas chuvas no Grande Recife.

Via Agência Brasil

Inmet alerta para chuvas intensas em todo o Rio Grande do Norte

O aviso é válido até 11h deste domingo (22). De acordo com o órgão, as chuvas podem atingir entre 20 e 30 mm/h e até 50 mm/dia, além de ventos intensos de 40 a 60 km/h.

Chuva atinge RN e outros estados do Nordeste — Foto: Divulgação

Chuva atinge RN e outros estados do Nordeste — Foto: Divulgação

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de chuvas intensas para todo o Rio Grande do Norte. O aviso é válido até 11h do domingo (22).

De acordo com o órgão, as chuvas podem atingir entre 20 e 30 mm/h e até 50 mm/dia, além de ventos intensos de 40 a 60 km/h.

O alerta emitido pelo Inmet é considerado de perigo potencial no grau de severidade (entenda abaixo).

Grau de severidade

Perigo PotencialSituação meteorológica potencialmente perigosa. Cuidado na prática de atividades sujeitas a riscos de caráter meteorológico. Mantenha-se informado sobre as condições meteorológicas previstas e não corra risco desnecessário.
PerigoSituação meteorológica perigosa. Mantenha-se muito vigilante e informe-se regularmente sobre as condições meteorológicas previstas. Inteire-se sobre os riscos que possam ser inevitáveis. Siga os conselhos das autotidades.
Grande PerigoSituação meteorológica de grande perigo. Estão previstos fenômenos meteorológicos de intensidade excepcional. Grande probabilidade de ocorrência de grandes danos e acidentes, com riscos para a integridade física ou mesmo à vida humana. Mantenha-se informado sobre as condições meteorológicas previstas e os possíveis riscos. Siga as instruções e conselhos das autoridades em todas as circunstâncias e prepare-se para medidas de emergência

Fonte: Inmet

O Inmet aponta que nesse tipo de alerta há baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

Apesar disso, recomenda que, em caso de rajadas de vento, as pessoas não se abriguem debaixo de árvores, pois há leve risco de queda e descargas elétricas, e não estacionem veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda.

Além disso, é recomendado evitar usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada. Em caso de necessidade, acionar a Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Via g1 RN