ALRN

Assembleia Legislativa emite nota de pesar pela morte de Nelson Queiroz

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte – em nome do presidente Ezequiel Ferreira e dos 23 deputados estaduais – lamenta o falecimento do ex-deputado Nelson Queiroz. Pai do deputado Nelter Queiroz, Nelson tinha 93 anos e teve uma vida marcada pelo trabalho como prefeito de Jucurutu, promotor de Justiça e também deputado estadual.

Como parlamentar, Nelson ganhou destaque na trajetória política como relator da Constituinte de 1989. Trabalho elogiado por todos os constituintes com os adjetivos de zeloso, disciplinado e firme em seus posicionamentos.

Nelson também é avô do prefeito de Jucurutu, Iogo Queiroz e do diretor-geral da Fundação Djalma Marinho, vinculada à ALRN, Julinho Queiroz.

Descanse em paz!

Palácio José Augusto
Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte

Provas do concurso da ALRN serão no dia 25 de setembro

Foto: Reprodução

O edital do concurso da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN) foi publicado nessa quarta-feira (22). Ao todo, serão ofertadas 47 vagas para níveis médio e superior. A prova será aplicada no dia 25 de setembro, nas cidades de Caicó, Mossoró, Natal e Pau dos Ferros.

As inscrições vão ser abertas nesta quinta-feira (23) às 9h e vão até o dia 25 de julho. Os salários variam de acordo os cargos e o nível do participante, podendo chegar até R$ 8,3 mil.

A validade do certame é de um ano, podendo prorrogar uma vez e por igual período.

Semana passada, na ocasião da assinatura do contrato com o o Instituto AOCP, responsável pelo concurso público, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Ezequiel Ferreira, disse que a estimativa é de ter até 40 mil inscritos. “O concurso deve atrair muita atenção, a expectativa é que tenhamos de 35 a 40 mil inscritos e espero ter a chance de ainda nesta gestão convocar os primeiros aprovados”, disse Ezequiel Ferreira.

Tribuna do Norte

Presidente Ezequiel assina contrato para concurso da ALRN; edital deve ser lançado na próxima semana

O concurso vai ser aplicado em quatro cidades do estado potiguar

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), assinou nesta terça-feira (14) contrato com o Instituto AOCP, responsável pelo concurso público da ALRN. O edital para as provas deve ser lançado na próxima semana e a previsão inicial é que o certame seja aplicado em meados de setembro.

“É uma grande satisfação para todos nós que fazemos a Assembleia Legislativa dar o pontapé inicial neste processo que é tão aguardado por toda a população. O concurso deve atrair muita atenção, a expectativa é que tenhamos de 35 a 40 mil inscritos e espero ter a chance de ainda nesta gestão convocar os primeiros aprovados”, disse Ezequiel Ferreira.

O concurso da Assembleia Legislativa do RN será aplicado em quatro cidades (Natal, Mossoró, Caicó e Pau dos Ferros) e foi planejado desde 2015 como meta para 2022 pelo presidente da Assembleia, Ezequiel Ferreira. O edital ofertará 47 vagas para cargos efetivos de Analista Legislativo – Nível Superior e Técnico Legislativo.

Ao todo são previstas 24 vagas para o cargo de Analista Legislativo, com remuneração inicial de R$ 8.338,64 mais benefícios e 23 para o cargo de Técnico Legislativo, com remuneração inicial de R$ 4.468,16 e benefícios.

A assinatura do contrato foi feita com o diretor do Instituto AOCP, Wesley Fernando de Faria, e com o procurador-geral da Assembleia, Sérgio Freire, que também é o presidente da Comissão Especial do Concurso da Assembleia Legislativa. Também estiveram presentes o diretor-geral da Presidência da ALRN, Fernando Rezende, e a diretora administrativa financeira da ALRN, Dulcinéa Brandão.

Legislativo leva informações da nova Lei das micro e pequenas empresas para Macaíba

Divulgar os benefícios da nova Lei Geral da Micro e Pequena Empresa do RN. Esse foi o objetivo da audiência pública realizada pela Assembleia Legislativa do RN, através do deputado Kleber Rodrigues (PSDB), na tarde desta segunda-feira (6), em Macaíba. O evento contou com a participação do prefeito da cidade, Emídio Júnior, além de um representante do Sebrae-RN e de vereadores, empresários e comerciantes.

“Primeiro, eu quero falar sobre a assinatura do Termo de Cooperação que aconteceu entre a Assembleia Legislativa e o Sebrae, aproximadamente 15 dias atrás. Através desse ato, todas as 167 cidades do Estado vão passar a ter uma “Sala do Empreendedor”, iniciou Kleber Rodrigues.

Segundo o parlamentar, com a assinatura do termo pelo município de Macaíba, os macaibenses interessados poderão ter acesso às políticas de crédito para abrir seus próprios negócios.

“Serão 167 salas no RN, uma para cada município. Os recintos contarão com parceiros para atender as demandas básicas dos empreendedores, prestando informações rápidas e realizando tarefas sem burocracia. Essas salas darão auxílio técnico para fomentar o desenvolvimento do Estado, apoiando pequenos negócios e melhorando a Economia dos municípios”, acrescentou o parlamentar.

Segundo o representante do Sebrae-RN, Tales Fernandes, o Brasil tem a Economia baseada nas pequenas empresas, que são as que geram emprego, renda e movimentam as economias locais.

“E a Sala do Empreendedor será um lugar para atender essas empresas, proporcionando um grande suporte aos empresários. Então, quem é empreendedor e precisa de atendimento e orientação, poderá procurar esse local na sua cidade”, explicou.

Tales Fernandes disse ainda que a proposta é levar informação e capacitação para o pequeno empresário.

“Todos os assuntos relacionados ao seu negócio o empresário vai encontrar nessas salas: gestão financeira, de marketing, créditos, enfim, qualquer tópico. Portanto, essa é uma forma de levar desenvolvimento para o Estado como um todo”, concluiu.

Na sequência, o deputado fez uma explanação sobre a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa do RN, abordando seus impactos no Estado como um todo.

“Essa lei já vinha sendo discutida há dois anos no Legislativo. Eu sou presidente da Frente Parlamentar das Micro e Pequenas Empresas e fiquei responsável por debater com todos os segmentos, ao longo desse tempo. Então, eu sei que a lei foi tema de inúmeras audiências e reuniões conjuntas de comissões. E eu tenho certeza de que saímos com uma lei robusta e completa, que abarca todos os segmentos do Estado”, destacou Kleber Rodrigues.

De acordo com dados divulgados pelo parlamentar, 30% do PIB brasileiro são gerados por micro e pequenas empresas.

“Além disso, 99% dos empreendimentos brasileiros são caracterizados como micro e pequenas empresas, e essas duas categorias são responsáveis por 55% dos empregos gerados no Brasil. Fora isso, sabe-se que mais de 3,9 milhões de pequenos negócios foram abertos, no ano passado, no País. E, no RN, o número de pequenas e micro empresas cresceu 17,3% em 2021, totalizando agora 212 mil pequenos negócios no Estado”, revelou Kleber.

Dentre as principais vantagens da lei, o deputado destacou a facilitação ao crédito e a desburocratização de procedimentos; o licenciamento simplificado; a fiscalização orientadora; e o tratamento favorecido em licitações públicas.

Com relação aos benefícios da nova legislação para a Economia do RN, o parlamentar enfatizou que estudos preveem, para 2023, um aumento na arrecadação dos municípios, bem como a geração de mais de 220 mil empregos no Estado, além do aumento da renda, a facilidade de acesso a créditos e o incentivo ao associativismo.

Ao final da sua fala, Kleber Rodrigues frisou os apoios da governadora Fátima Bezerra (PT) e do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), para a implementação da lei.

Em seguida, o prefeito de Macaíba, Emídio Júnior, falou da importância da efetivação da legislação no município.

“Hoje é uma tarde histórica para Macaíba, e eu digo isso porque a cidade tem como fundador um comerciante, Fabrício Gomes Pedroza. Todos sabem que o nosso município tem um grande potencial econômico, e o nosso intuito é aumentá-lo ainda mais, modernizando nossas leis e ampliando os benefícios aos pequenos empreendedores. Porque nós temos feito de tudo para aumentar a geração de emprego e renda na cidade”, disse.

Dois pilares chamaram a atenção do presidente da Câmara Municipal de Macaíba, vereador Denilson Gadelha: o incentivo ao crédito e a possibilidade de contratar com a prefeitura.

“Então, eu fico imaginando o quanto essa lei vai facilitar para todos. Agora os informais vão poder ter acesso às informações e se tornar pequenos e micro empresários. E isso vai contribuir muito com a Economia da nossa cidade”, complementou.

Para o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Macaíba, Isaías Revoredo, “a importância da legislação é tamanha para o desenvolvimento do município e do Estado, porque sem empreendedorismo não há crescimento”.

“Todos aqui sabem o quanto a legislação brasileira tem burocracias. Então, essas facilidades vão proporcionar um crescimento da Economia como um todo. Com a Sala do Empreendedor, Macaíba dará um grande impulso àqueles que desejam iniciar a vida empresarial. E a CDL estará sempre aqui para apoiar quem precisar de nós”, garantiu.

Por fim, o coordenador das compras governamentais do Estado, Vinícius Cipriano, esmiuçou o tratamento favorecido da lei às micro e pequenas empresas do RN.

“ME, EPP, MEI, produtor rural, empreendimentos de economia popular, pessoas físicas… todas elas são impactadas com os benefícios dessa lei. E isso tudo está previsto na própria Constituição Federal. Dentre as formas de tratamento favorecido, estão a possibilidade de apresentação de documentações com restrição; a licitação exclusiva, para valores de até R$ 200 mil; e o critério de desempate diferenciado”, explicou o coordenador.

Ainda segundo o representante do governo, o Estado aportou mais de 70 milhões de reais, nos anos de 2020 e 2021, para micro e pequenas empresas, através de licitações.

Provas do concurso da Assembleia Legislativa têm previsão para serem aplicadas em setembro

A Comissão Especial do Concurso da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN) reuniu-se nesta terça-feira (31) com a diretoria do Instituto AOCP para deliberar adequações para o concurso da Assembleia e definir o cronograma de atuação para os próximos meses.

De acordo com o presidente da Comissão Especial do Concurso Público, o procurador-geral da Assembleia, Sérgio Freire, ficou definido que no próximo dia 14 de junho está prevista a assinatura do contrato entre a Assembleia Legislativa e o Instituto AOCP, seguida de uma reunião com a Comissão Especial para aprovação da minuta do edital. Ainda de acordo com Sérgio Freire, já no dia 21 está previsto o lançamento do edital e abertura das inscrições. A aplicação das provas está prevista para o mês de setembro.

“Hoje vencemos mais uma etapa do concurso da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Fechamos os últimos detalhes, definimos o cronograma e previsão de aplicação de provas. Ou seja, é mais um período vencido que nos leva a concretização do concurso público para provimentos de cargos no Legislativo potiguar”, resumiu Sérgio Freire.

O concurso da Assembleia Legislativa do RN foi planejado como meta para 2022 pelo presidente Ezequiel Ferreira e ofertará 47 vagas para cargos efetivos de Analista Legislativo – Nível Superior e Técnico Legislativo.

Ao todo são previstas 24 vagas para o cargo de Analista Legislativo, com remuneração inicial de R$ 8.338,64 mais benefícios e 23 para o cargo de Técnico Legislativo, com remuneração inicial de R$ 4.468,16 e benefícios.

Sobre as cotas para pessoas negras, a comissão do concurso acatou a recomendação em cumprimento à Lei Estadual 11.015/2021, sancionada no fim do ano passado e que trata sobre a garantia de 20% das vagas nos concursos públicos dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário estadual para a população negra.

Outro encaminhamento da comissão é que não haverá ampliação do número de vagas previstas no concurso. A comissão também definiu que haverá aplicação de provas em Pau dos Ferros para atender aos candidatos residentes nas regiões Oeste e Alto Oeste.

Acompanhe todas as notícias sobre o concurso no site da ALRN www.al.rn.leg.br e nas redes sociais @assembleiarn

Assembleia Legislativa renova convênio para exibição televisiva das atividades do TJRN

Os presidentes da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, Ezequiel Ferreira (PSDB) e do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, desembargador Vivaldo Pinheiro, reuniram-se nesta terça-feira (31) para renovação da parceria entre as instituições. Na pauta celeridade na aprovação de leis que tratam da implantação do plano de cargos, carreira e salários dos servidores do TJRN e a renovação do convênio para exibição de programas televisivos e sessão plenárias do TJRN na TV Assembleia, sem contrapartida pecuniária, mediante apenas cessão de material audiovisual.

“Renovar esta parceria possibilita mais informações do Poder Judiciário para a população do Rio Grande do Norte através da TV Assembleia. As transmissões das sessões do Pleno do Tribunal de Justiça além de conferir publicidade aos julgamentos aproximam os telespectadores das causas julgadas e da rotina do tribunal. Manter e estimular estas parcerias têm sido um dos focos da nossa gestão”, destacou Ezequiel Ferreira.

A Lei Complementar que vai possibilitar a transformação de cargos públicos de provimento efetivo e a criação de cargos públicos de provimento em comissão do Quadro Geral de Pessoal do Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Norte, também foi discutida durante a reunião.

“A iniciativa objetiva otimizar os recursos humanos no âmbito do Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Norte, mormente o dever da Administração Pública de organizar sua estrutura organizacional e gerencial, para a concretização e melhoria dos serviços prestados à sociedade, ante o princípio constitucional da eficiência e, sobretudo, da busca pela efetividade dos princípios da razoável duração do processo e da celeridade processual”, explicou o desembargador Vivaldo Pinheiro.

Presente na reunião, a desembargadora Zeneide Bezerra, vice-presidente do TJRN, oficializou o convite à Casa Legislativa para o aniversário de 130 anos do Tribunal, que será celebrado no mês de julho e que contará com uma programação voltada para os moradores do Bairro Nazaré. “Será uma programação bem especial e voltada para a população do entorno das novas instalações do Tribunal de Justiça. São 130 anos que precisam ser comemorados. Nos somaremos a mais de 70 parceiros para que façamos uma grande festa”, disse.

Participaram da reunião o desembargador Glauber Rêgo, o juiz auxiliar da presidência João Afonso Pordeus, Fernando Rezende, diretor da presidência ALRN, Possidônio José Rodrigues dos Santos, Chefe da Procuradoria Previdenciária da ALRN, Júlio Cesar de Queiroz Costa, diretor-executivo da Fundação Djalma Marinho, Bruno Giovanni, diretor da TV Assembleia, e Gustavo de Lima Brito, coordenador de suporte Legislativo.

Projeto ‘e-Legis’ garante 2º prêmio Assembleia Cidadã para a ALRN

Ezequiel: “Quando se planta, se colhe. E a gente colhe hoje os frutos da dedicação, da abnegação, da vontade e da competência”. Foto: ALRN

“Quando o assunto é gestão, a Assembleia do Rio Grande do Norte sai na frente. Quando se planta, se colhe. E a gente colhe hoje, com esse segundo prêmio de gestão, os frutos da dedicação, da abnegação, da vontade e da competência”, afirmou o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB), ao receber o troféu Prêmio Assembleia Cidadã na categoria Gestão, com o projeto “e-Legis”.

Esta é a segunda vez consecutiva que o Legislativo potiguar conquista o prêmio que ratifica a excelência do trabalho de modernização e transparência iniciado nos últimos anos pela Casa legislativa. A premiação visa incentivar a modernização dos processos legislativos, o atendimento humanizado ao cidadão e a melhoria da sociedade e a seleção aconteceu durante a 24ª Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (CNLE), que aconteceu na cidade de Campo Grande (MS).

“Este é um momento de agradecer, abraçar os servidores desta casa legislativa que entenderam este novo momento e fazem da ALRN, pela segunda vez, campeã de um prêmio de gestão. Quero estender esse agradecimento aos 23 deputados neste momento de incremento e aposta nos servidores”, destacou o deputado Ezequiel Ferreira (PSDB).

Para Ezequiel Ferreira, o reconhecimento estimula o trabalho da Assembleia do Rio Grande do Norte. Ele explicou que o sistema e-Legis é uma ferramenta desenvolvida pela Casa para gerenciar o ciclo do processo legislativo, tornando-o totalmente eletrônico, desde a concepção das proposições nos gabinetes parlamentares até a sua votação em Plenário.

“Estamos felizes não só com a premiação, mas com a celeridade ganha nos processos de gestão desta Casa. A mudança na tramitação, da burocracia que era exigida pelo papel e caneta a celeridade da tecla que nos favorece em todas as resoluções da Casa”, ressaltou o deputado.

Segundo o presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), Lídio Lopes, é muito importante a participação das assembleias de todo o país. “Este prêmio destaca um projeto fantástico que mereceu o título e faz com que, a cada ano, a participação das assembleias aumente. As casas estão se preparando, criando projetos para participarem e a ALRN realmente incorporou isso, com participação efetiva. Prova disso é o resultado, sendo bicampeã”, disse.

Baixo efetivo de policiais penais será tema de debate na Assembleia Legislativa

deputado Coronel Azevedo (PL),
Deputado Coronel Azevedo (PL)/ Foto: Divulgação

Avaliar com os órgãos competentes se a quantidade de policiais penais no Estado é suficiente para atender, de maneira satisfatória, a necessidade do sistema penitenciário do RN. Esse é o objetivo da audiência pública proposta pelo deputado Coronel Azevedo (PL), sob o tema “Efetivo de policiais penais frente às necessidades de emprego no setor prisional”, que acontecerá nesta terça-feira (24), às 14h, na sede da Assembleia Legislativa do RN.

“O último concurso da Polícia Penal do Rio Grande do Norte foi realizado em 2017, e é de conhecimento público que ainda existem candidatos aprovados que não foram convocados. Todos sabem também da necessidade real e iminente de se chamarem esses futuros agentes de segurança, a fim de dirimir a lacuna que existe no nosso sistema prisional”, disse o parlamentar.

Para o Coronel Azevedo, o diálogo através da audiência pública vai proporcionar um melhor entendimento sobre a atual situação do sistema penitenciário estadual.

“E nós trouxemos a demanda para o Legislativo, a fim de que todos possam ter acesso a esse assunto tão importante para a nossa sociedade”, complementou.

Foram convidados para o debate órgãos e instituições de segurança penal, municipais e estaduais; associações e conselhos de policiais penais; representantes dos aprovados no concurso; e membros da sociedade civil organizada.

Bicampeã, Assembleia do RN recebe prêmio nacional de gestão nesta quarta

Por duas edições consecutivas, a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte venceu a edição do Prêmio Assembleia Cidadã. Bicampeã na categoria Gestão, com o projeto “e-Legis”, a conquista do Legislativo Potiguar será entregue nesta quarta-feira (25) o que ratifica a excelência do trabalho de modernização e transparência iniciado nos últimos anos pela Casa legislativa. A escolha do projeto atendeu a comparativos nacionais e ocorreu em duas etapas, sendo concluída na 24ª Conferência Nacional da Unale, que aconteceu em novembro do ano passado, em Campo Grande (MS).

O e-Legis é uma ferramenta desenvolvida pela Diretoria de Gestão Tecnológica da ALRN para gerenciar o ciclo do processo legislativo, tornando-o totalmente eletrônico, desde a concepção das proposições nos gabinetes parlamentares até a sua votação em Plenário. Para a concepção da plataforma, o setor contou também com o apoio da Diretoria Legislativa e Procuradoria Legislativa, responsáveis pelo mapeamento dos fluxos processuais e avaliação das funcionalidades da ferramenta. “Apoiamos e incentivamos programas desenvolvidos por servidores da Casa, como o e-Legis que modificou a nossa realidade e hoje tem reconhecimento nacional”, destaca o presidente da ALRN, Ezequiel Ferreira.

O e-Legis concorreu com os assembleias de todo o Brasil durante no congresso da União dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale). O prêmio incentiva práticas e políticas públicas para o bem-estar da sociedade e o fortalecimento dos estados-membros da Federação alinhados à modernização dos serviços legislativos prestados à sociedade.

Histórico

A aplicação do e-Legis começou a ser desenvolvida no final de 2018, tendo a sua primeira versão implantada em agosto de 2019. Com a pandemia, em 2020, e a adoção das medidas de distanciamento social, a necessidade de criar alternativas para dar continuidade às atividades legislativas impulsionou o desenvolvimento do Módulo de Plenário do e-Legis, integrado com o painel eletrônico, e do Sistema de Deliberação Remota (SDR). A experiência positiva despertou o interesse de outras instituições no País, a exemplo da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, que firmou cooperação técnica com a ALRN para implantação e uso da ferramenta.

Entrega do Prêmio Unale Assembleia Cidadã

Local: Plenário da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte
Data e horário: 25 de maio, às 9h30.

Assembleia Legislativa participa da entrega do Prêmio Prefeito Empreendedor Sebrae

A Assembleia Legislativa, representada pelos deputados Hermano Morais (PV) e Kleber Rodrigues (PSDB), participaram nesta quinta-feira (19) da entrega do prêmio Prefeito Empreendedor Governador Cortez Pereira, promovido pelo Sebrae e realizado na sede do órgão. Durante a solenidade, que reuniu prefeitos, autoridades e a imprensa, foi lançado o Programa Município Mais Empreendedor, que através de parceria com o Legislativo estadual, vai implantar “Salas do Empreendedor” em cada todos os municípios potiguares.

“Parabenizar os prefeitos vencedores do prêmio e dizer que essa parceria, da Assembleia Legislativa com o Sebre e os municípios, vai efetivar a Lei da Micro e Pequena Empresa, aprovada na Casa do Povo. Sem dúvidas, um divisor de águas para a história do empreendedorismo do Rio Grande do Norte”, disse o deputado Kleber Rodrigues ao discursar.

Para o superintendente do Sistema Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Zeca Melo, o prêmio é fundamental para os gestores locais e a parceria com a Assembleia Legislativa essencial para a instalação de Salas do Empreendedor no Estado.

“Caberá às prefeituras disponibilizarem o espaço físico e, ao Sebrae, estruturá-los, adotando um modelo funcional, acolhedor e confortável, com mobiliário e equipamentos novos. Ou seja, toda uma estrutura de informação em rede de internet com os órgãos públicos e os canais do Sebrae, permitindo uma aproximação maior com as Agências Sebrae espalhadas pelo interior”, disse.

A XI edição do prêmio coroou gestores municipais que prestaram relevantes serviços às suas cidades. Nas categorias “empreendedorismo na escola” e “sala do empreendedor”, o premiado foi o prefeito Eugênio Parcceli, de São Paulo do Potengi. Na categoria “desburocratização”, o prêmio foi para o prefeito de Natal, Álvaro Dias. Já nas categorias “compras governamentais” e “cidade empreendedora”, o prêmio foi entregue ao prefeito de Acarí, Fernandinho.

Os municípios de Currais Novos, Carnaúba dos Dantas, Cerro Corá, Parelhas e Acari foram contemplados com o prêmio nas categorias “governança regional” e “cooperação intermunicipal”. Já o prefeito de Lagoa Nova, Luciano Santos, foi agraciado com o prêmio na categoria “inovação e sustentabilidade”.

Na categoria “marketing territorial e setores econômicos”, o prêmio ficou com o prefeito de São Gonçalo do Amarante, Paulo Emídio (em memória), representado na ocasião pelo atual prefeito do município, Eraldo Paiva.

“Como deputado e presidente da Frente Parlamentar da Micro e Pequena Empresa na Casa Legislativa, fico feliz em poder participar desse prêmio que, além de ser um benefício para os prefeitos vencedores, é também um estímulo e referência para que esses exitosos projetos sejam replicados em outros municípios Norte-Rio-Grandenses”, acrescentou Kleber Rodrigues.